Pesquisa no Blog

Pesquisa no Google

 
bove=""

 

PADRE DJACY BRASILEIRO

NA LUTA CONSTANTE EM FAVOR

DA CLASSE MENOS FAVORECIDA 

Rádio Web

KM JUREMA

Org. Pauliano Tomaz

Art Regina, Art com Grafite

Comunicação Audiovisual -Tavares/PB.

 Fone: (83) 9 9869-8213. Hélio Mendes.

STAR FOTO E VÍDEO

 

By Fábio Arrud@&Silvan@

Praça Coronel José Pereira -04

Centro-Princesa Isabel - PB

CONTATO: 041 83 999463213

         FECEBOOK

EMPREGO: Ótica abre vagas em Princesa, Tavares, Manaíra, São José de Princesa, Juru e Água Branca.

EMPREGO: Ótica abre vagas em Princesa, Tavares, Manaíra, São José de Princesa, Juru e Água Branca.

A Multi Vision Ótica está oferecendo vagas de empregos para vendedores nas cidades de...

Suspeito morre após tentar assaltar banco e trocar tiros com a polícia

Suspeito morre após tentar assaltar banco e trocar tiros com a polícia

(Foto: Google Street View)Portal CorreioUma tentativa de assalto a uma agência...

PRINCESA ISABEL: Ricardo Pereira fará audiência pública e convida oposição para debater denúncias

PRINCESA ISABEL: Ricardo Pereira fará audiência pública e convida oposição para debater denúncias

O prefeito do município de Princesa Isabel, no Sertão da Paraíba, Ricardo Pereira (PSB),...

Filho Mata o Pai á Facadas em São José do Egito.

Filho Mata o Pai á Facadas em São José do Egito.

Uma tragédia aconteceu na Região de Fazenda Nova-Juazeirinho comunidade que fica na...

Adolescente de 14 anos morre na PB vítima de AVC depois de sentir forte dor de cabeça

Adolescente de 14 anos morre na PB vítima de AVC depois de sentir forte dor de cabeça

Uma adolescente, identificada apenas como Larissa, de 14 anos de idade, morreu, na manhã...

 

O homem suspeito de ter assassinado Jefferson do Nascimento Almeida, de 27 anos, morto após discutir com colega por causa de uma coleira artesanal para cachorro, se entregou à Polícia Civil no fim da tarde desta segunda-feira (11), acompanhado do advogado.

A informação foi confirmada pela delegada de Homicídios, Nercília Dantas, que investiga o crime registrado no último sábado (9), no bairro do José Pinheiro, em Campina Grande.

Em depoimento à polícia, o suspeito falou que agiu em legítima defesa, por estar se sentindo ameaçado.

Conforme a delegada Nercília Dantas, diante do que foi apurado até o momento, é mais provável que o suspeito tenha agido tomado por uma violenta emoção do que por legítima defesa.

Após prestar depoimento, Fabrício foi levado para fazer o exame de corpo de delito, no início da noite desta segunda-feira. Ele ficará à disposição da justiça e será autuado por motivo torpe.

O crime

De acordo com as investigações policiais, suspeito e vítima compartilhavam do mesmo hobby de criar cachorros e tinham encomendado duas coleiras a um artesão para os animais.

No entanto, com o dinheiro que repassaram para o homem, só foi possível confeccionar uma coleira, razão pela qual houve o desentendimento entre o suspeito e a vítima, resultando na morte de Jefferson, que foi assassinado a facadas.

G1