Pesquisa no Blog

Pesquisa no Google

 
bove=""

 

PADRE DJACY BRASILEIRO

NA LUTA CONSTANTE EM FAVOR

DA CLASSE MENOS FAVORECIDA 

Rádio Web

KM JUREMA

Org. Pauliano Tomaz

Art Regina, Art com Grafite

Comunicação Audiovisual -Tavares/PB.

 Fone: (83) 9 9869-8213. Hélio Mendes.

STAR FOTO E VÍDEO

 

By Fábio Arrud@&Silvan@

Praça Coronel José Pereira -04

Centro-Princesa Isabel - PB

CONTATO: 041 83 999463213

         FECEBOOK

Bandidos armados assaltam mais uma farmácia no Centro de Serra Talhada e levam R$ 20

Bandidos armados assaltam mais uma farmácia no Centro de Serra Talhada e levam R$ 20

imagem ilustrada Bandidos armados assaltam mais uma farmácia no...

Governo cria programa de transporte escolar para alunos da Zona Rural da PB

Governo cria programa de transporte escolar para alunos da Zona Rural da PB

 Foto: Reprodução/TV ParaíbaPor G1 PB Um decreto publicado nesta...

 UBS DA SAUDADE EM PRINCESA ISABEL REALIZA PALESTRA E ATIVIDADES PARA HIPERTENSOS E DIABÉTICOS

UBS DA SAUDADE EM PRINCESA ISABEL REALIZA PALESTRA E ATIVIDADES PARA HIPERTENSOS E DIABÉTICOS

O grupo de Hipertensos e Diabéticos que são atendidos pela UBS da Saudade, em...

Preso por morte de adolescente na PB ajudou a reconhecer corpo e foi a velório, diz polícia

Preso por morte de adolescente na PB ajudou a reconhecer corpo e foi a velório, diz polícia

Um homem foi preso na quinta-feira (22) suspeito de matar um adolescente de 17...

5ª Conferência Municipal de Saúde será realizada na próxima semana em Tavares

5ª Conferência Municipal de Saúde será realizada na próxima semana em Tavares

A Prefeitura de Tavares, no Sertão da Paraíba, através da Secretaria de Saúde, por meio...

 

Cerimônia Pelo Brasil e contra a Corrupção

Agência Câmara Notícias

O atentado ocorrido na manhã desta quarta-feira (13) em uma escola em Suzano, região metropolitana de São Paulo, reacendeu na Câmara a discussão sobre o desarmamento no Brasil.

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, disse que espera que não comecem a dizer que se os professores estivessem armados, a tragédia teria sido evitada. "Segurança é dever do Estado e não do cidadão", enfatizou.

Mais cedo o senador Major Olímpio (PSL-SP) deu declaração nesse sentido. Em plenário, o deputado Paulão (PT-AL) lamentou o pronunciamento feito pelo senador. Para o deputado, a declaração é insana e estimula o discurso de ódio.

Já o deputado capitão Wagner (Pros-CE) chamou atenção para a responsabilidade dos parlamentares em relação a projetos que liberem o uso indiscriminado de armas para a população. "Nós temos que ter pré-requisitos estabelecidos e rigorosos para as pessoas poderem portar arma de fogo. Não dá para fazer populismo com um tema tão importante. A gente sabe que grande parte da população brasileira quer ter uma arma na cintura, mas a responsabilidade para ter uma arma na cintura é muito grande”, ponderou.

Para o deputado Coronel Tadeu (PSL-SP), o fato ocorrido na escola estadual Professor Raul Brasil é lamentável. Ele defende que o País repense o sistema de segurança pública atual. Para ele, faltam medidas efetivas de segurança pública e o Legislativo tem parcela de culpa nessa situação.

O deputado Nilto Tatto (PT-SP) relacionou o episódio à cultura da violência e à liberação indiscriminada de armas no País e questionou os parlamentares que defendem o porte de armas como solução para a violência.

Um adolescente e um jovem encapuzados invadiram uma escola de ensino médio em Suzano e mataram cinco alunos, duas funcionárias e o proprietário de uma loja próxima, que era tio de um dos assassinos. Os dois atiradores, que eram ex-alunos da escola, se mataram após o ataque.

Milícias
Presidente da Comissão de Direitos Humanos durante o ano passado, o deputado Marcon (PT-RS) lembrou ainda a prisão dos matadores de Marielle Franco e as buscas da polícia, que encontrou centenas de armas em locais ligados aos milicianos presos. O parlamentar pediu agilidade na criação de uma CPI para investigar as milícias.

 

https://www2.camara.leg.br/camaranoticias/noticias/SEGURANCA/573426-ATENTADO-EM-SUZANO-REACENDE-NA-CAMARA-DISCUSSAO-SOBRE-DESARMAMENTO.html