Pesquisa no Blog

Pesquisa no Google

 
bove=""

 

PADRE DJACY BRASILEIRO

NA LUTA CONSTANTE EM FAVOR

DA CLASSE MENOS FAVORECIDA 

Rádio Web

Art Regina, Art com Grafite

Comunicação Audiovisual -Tavares/PB.

 Fone: (83) 9 9869-8213. Hélio Mendes.

STAR FOTO E VÍDEO

 

By Fábio Arrud@&Silvan@

Praça Coronel José Pereira -04

Centro-Princesa Isabel - PB

CONTATO: 041 83 999463213

         FECEBOOK

Pauliano Tomaz

ÁGUA BRANCA: Arraial das Escolas Municipais – Exaltação da festa junina, aprendizado e integração Família/Escola

ÁGUA BRANCA: Arraial das Escolas Municipais – Exaltação da festa junina, aprendizado e integração Família/Escola

A festa junina é uma excelente oportunidade para integrar a família e a escola, bem...

Professor é assassinado em Soledade, na PB

Professor é assassinado em Soledade, na PB

Júnior Medeiros (FOTO), professor de história e irmão do ex-prefeito de Santo André,...

Arraial da Boa Vontade valoriza a Cultura Brasileira em CG Dezenas de apresentações culturais movimentaram os assistidos da LBV

Arraial da Boa Vontade valoriza a Cultura Brasileira em CG Dezenas de apresentações culturais movimentaram os assistidos da LBV

A Legião da Boa Vontade – LBV promoveu o seu tradicional Arraial da Boa Vontade, em...

Prisão de membro da comitiva de Bolsonaro com 39 quilos de cocaína repercute no mundo

Prisão de membro da comitiva de Bolsonaro com 39 quilos de cocaína repercute no mundo

247 - A edição global do jornal El País destacou nesta quarta-feira (26) a...

 

Mesmo com o alto índice de chuvas registradas nos municípios do Pajeú, a figura do carro-pipa ainda se faz presente na região. Estranhando o fato, a Rádio Pajeú FM através do programa vespertino Rádio Vivo, ouviu em sua edição de ontem (1º), as famílias rurais durante a pesquisa do dia.

De acordo com a produção do programa, 95% dos ouvintes informaram não precisar mais do abastecimento com carro-pipa por estarem com cisternas, barreiros e açudes cheios.

Para surpresa do comunicador Anchieta Santos, que apresenta o programa, 90% deles disseram ter recebido orientação da representação do Exército Brasileiro a não abastecer as suas cisternas com a água de chuva para não serem cortados do programa.

O fato mostra que a indústria da seca invade até o período chuvoso no Sertão. A unanimidade, os agricultores e agricultoras disseram que o ideal seria suspender o carro-pipa durante o inverno e fazê-lo voltar quando a estiagem retornar.

Com a palavra a Coordenação do Programa de carro-pipa executado pelo Exército Brasileiro. (PE NOTÍCIAS

)