Pesquisa no Blog

Pesquisa no Google

 
bove=""

 

Canal do Blog no YouTube

PADRE DJACY BRASILEIRO

NA LUTA CONSTANTE EM FAVOR

DA CLASSE MENOS FAVORECIDA 

Rádio Web

 

Art Regina, Art com Grafite

Comunicação Audiovisual -Tavares/PB.

 Fone: (83) 9 9869-8213. Hélio Mendes.

STAR FOTO E VÍDEO

 

By Fábio Arrud@&Silvan@

Praça Coronel José Pereira -04

Centro-Princesa Isabel - PB

CONTATO: 041 83 999463213

         FECEBOOK

Pauliano Tomaz

Prefeito de Tavares fará inauguração de Estátua de São Miguel Arcanjo no Aniversário da Cidade

No dia 17 de novembro, o município de Tavares, no Alto Sertão da Paraíba, completa 60 anos de...

Morre em SP o cantor Roberto Leal, aos 67 anos

Morre em SP o cantor Roberto Leal, aos 67 anos

Cantor, conhecido pela música ‘Arrebita’, estava internado havia 5 dias no Hospital...

Homem é morto a tiros e adolescente fica ferido após casa ser invadida por suspeito na PB

Homem é morto a tiros e adolescente fica ferido após casa ser invadida por suspeito na PB

Um homem foi morto com pelo menos dez tiros, na noite deste sábado (14), no bairro Costa...

Cantor de Banda no Vale do Piancó, faz música e sonha que o sucesso chegue até o profissional em vaquejada Natan Queiroz. Compartilhem!

O cantor da Banda Estilo Farra, da cidade de Pedra Branca, no Vale do Piancó, Sertão da...

Vídeo: Artemidias Ag – Hélio Mendes

Foto: reprodução/internet
Milhares de compartilhamentos nas redes sociais chamou a atenção dos pernambucanos nos últimos dias.
 
Um garoto de apenas 13 anos, natural de Belo Jardim, agreste pernambucano, está sofrendo desde que o Governo de Pernambuco cortou o medicamento que trata de uma doença rara, da qual é acometido.
 
Segundo informações, o rapaz sofre de “PIODEMITE GAGRENOSO“, e mais de 50% do seu corpo está sem pele e em carne viva.
 
A mãe do jovem informou que por conta da burocracia para recadastramento, a entrega de medicação foi suspensa.
 
O remédio que custa R$ 100 reais torna-se cara para a família, que mora na zona rural e não tem condições de manter a compra. Sem o remédio o jovem grita de dores e pode morrer a qualquer momento por conta de possível infecção.
 
Via Pernambuco Notícias