Pesquisa no Blog

Pesquisa no Google

 
bove=""

 

Canal do Blog no YouTube

PADRE DJACY BRASILEIRO

NA LUTA CONSTANTE EM FAVOR

DA CLASSE MENOS FAVORECIDA 

Rádio Web

 

A imagem pode conter: texto

Art Regina, Art com Grafite

Comunicação Audiovisual -Tavares/PB.

 Fone: (83) 9 9869-8213. Hélio Mendes.

STAR FOTO E VÍDEO

 

By Fábio Arrud@&Silvan@

Praça Coronel José Pereira -04

Centro-Princesa Isabel - PB

CONTATO: 041 83 999463213

         FECEBOOK

Pauliano Tomaz

Prefeito do Vale do Piancó é acusado de cometer fraude fiscal

Prefeito do Vale do Piancó é acusado de cometer fraude fiscal

O prefeito de Catingueira, Dr. Odir Borges, foi acusado de abrir créditos suplementares...

Ivanes reúne vereadores e imprensa para expor situação de Patos e análise sobre denúncias

Ivanes reúne vereadores e imprensa para expor situação de Patos e análise sobre denúncias

O prefeito interino da cidade de Patos, Ivanes Lacerda, na manhã desta quarta-feira (18),...

Carnaíba: Promotora recomenda que candidatos à reeleição de Conselho Tutelar peçam afastamento

Carnaíba: Promotora recomenda que candidatos à reeleição de Conselho Tutelar peçam afastamento

Nill Júnior - A Promotora de Justiça Adriana Cecília Lordelo Wludarski recomentou...

Festa de São Miguel Arcanjo começa nesta quinta-feira (19) na cidade de Tavares

Festa de São Miguel Arcanjo começa nesta quinta-feira (19) na cidade de Tavares

Nesta quinta-feira (19), terá início em Tavares, no Sertão da Paraíba, a Festa de São...

Agressores de mulheres deverão ressarcir custos com atendimento médico

Agressores de mulheres deverão ressarcir custos com atendimento médico

O agressor de violência doméstica terá que ressarcir ao Sistema Único de Saúde (SUS) os...

Foto: Reprodução/Internet

O secretário executivo da Fazenda da Paraíba, Bruno Frade, nesta terça-feira, 20, teceu comentários sobre um esquema de sonegação fiscal de passagens no transporte rodoviário do Estado.

A operação, intitulada de ‘Bilhete Legal’, acontece nos municípios de João Pessoa, Campina Grande, Guarabira, Patos e Cajazeiras.

De acordo com o secretário, foi realizado um levantamento prévio que constatou que muitas empresas  não estariam cumprindo a emissão de bilhete eletrônico.

– Fomos notificados de que muitas empresas não estariam cumprindo esse dever legal. Também foi detectado indícios de que empresas estariam funcionando sem a inscrição legal, o que não poderia sequer estar de portas abertas. No caso de outras, elas até possuíam inscrição legal, mas estavam em situação irregular – detalhou Bruno.

Ele informou que o prejuízo gira em torno de R$ 150 milhões.

– A operação da Secretaria do Estado da Fazenda, em parceria com a Secretaria de Segurança Pública e o Ministério Público, objetivou desarticular esse esquema que somam em R$ 150 milhões – confirmou ele.

Até o momento, foram notificadas 19 empresas que funcionam no Terminal de Integração da João Pessoa, alvos de fiscalização.

– A operação foi iniciada hoje, às 10 horas da manhã, e estamos aguardando o balanço de quais as empresas e as irregularidades confirmadas – concluiu o secretário. Paraíba Online