Pesquisa no Blog

Pesquisa no Google

 
bove=""

 

Canal do Blog no YouTube

PADRE DJACY BRASILEIRO

NA LUTA CONSTANTE EM FAVOR

DA CLASSE MENOS FAVORECIDA 

Rádio Web

Art Regina, Art com Grafite

Comunicação Audiovisual -Tavares/PB.

STAR FOTO E VÍDEO

 

By Fábio Arrud@&Silvan@

Praça Coronel José Pereira -04

Centro-Princesa Isabel - PB

CONTATO: 041 83 999463213

         FECEBOOK

Pauliano Tomaz

Prefeito Ailton Suassuna inaugura novo Curral do Gado em Tavares

Prefeito Ailton Suassuna inaugura novo Curral do Gado em Tavares

Após inauguração da praça e imagem de São Miguel no domingo (17), o prefeito de...

ASSISTA: reportagem do Fantástico traz todos os detalhes da “viagem turística” dos vereadores de Sta Rita

ASSISTA: reportagem do Fantástico traz todos os detalhes da “viagem turística” dos vereadores de Sta Rita

Matéria: Pauta PB Onze vereadores e um contador da Câmara Municipal de Santa...

Princesa Isabel completa hoje 98 anos de elevação à categoria de cidade

Princesa Isabel completa hoje 98 anos de elevação à categoria de cidade

Nesta segunda-feira, 18 de novembro, o município de Princesa Isabel completa 98 anos...

Homem invade festa, mata quatro e fere outros seis

Homem invade festa, mata quatro e fere outros seis

Reprodução/FlickrFonte: Jovem Pan Quatro...

Moto pega fogo após curto circuito no centro de Nova Olinda; veja o vídeo

Moto pega fogo após curto circuito no centro de Nova Olinda; veja o vídeo

Uma motocicleta ficou em chamas na tarde deste domingo (17/011) na Rua Dr. João Lúcio,...

  

Alvos são procedimentos licitatórios em Juru e adesão à Ata de Registro de Preços na Saúde de Bayeux

O Ministério Público Federal (MPF) está investigando irregularidades em licitações nas cidades de Juru, no Sertão do Estado, e em Bayeux, região metropolitana de João Pessoa. No caso de Bayeux o alvo é a adesão à Ata de Registro de Preços nº 11/2018, que teve como objeto a contratação de uma empresa especializada no fornecimento de materiais de construção para a Secretaria de Saúde do município.

Em Juru, além de fraudes em licitações, o MPF apura também o susposto desvio de recursos públicos. As duas portarias, instaurando os inquéritos civis públicos, foram publicadas nesta terça-feira (5) no Diário Eletrônico do MPF.

Fundeb

Um inquérito civil público, instaurado pelo procurador da República Antônio Edílio Teixeira, também apura a não aplicação de recursos do Fundeb no município de Curral de Cima.

O programa transfere recursos federais para serem empregados na valorização e desenvolvimento da educação básica. Nos três casos, os procedimentos têm um prazo de um ano para serem concluídos.

Fonte: Pleno Poder

Créditos: Pleno Poder