Pesquisa no Blog

Pesquisa no Google

 
bove=""

 

Canal do Blog no YouTube

CANAL DE PADRE FÁBIO NO YOUTUBE

PADRE DJACY BRASILEIRO

NA LUTA CONSTANTE EM FAVOR

DA CLASSE MENOS FAVORECIDA 

Art Regina, Art com Grafite

Comunicação Audiovisual -Tavares/PB.

STAR FOTO E VÍDEO

 

By Fábio Arrud@&Silvan@

Praça Coronel José Pereira -04

Centro-Princesa Isabel - PB

CONTATO: 041 83 999463213

         FECEBOOK

Pauliano Tomaz

Paraibano assume presidência do INSS

Paraibano assume presidência do INSS

O paraibano Leonardo Rolim é o novo presidente do Instituto Nacional do Seguro Social...

TJDF determina investigação sobre supostas fraudes em resultados do futebol paraibano

TJDF determina investigação sobre supostas fraudes em resultados do futebol paraibano

G1 O presidente do Tribunal de Justiça Desportiva de Futebol da Paraíba...

Dispensa de alvará beneficiará 10,3 milhões de empresas de baixo risco

Dispensa de alvará beneficiará 10,3 milhões de empresas de baixo risco

Agência BrasilA dispensa total de licenças e alvarás de funcionamento para 289 tipos...

Secretaria de Educação de Tavares dá inicio a Jornada Pedagógica

Secretaria de Educação de Tavares dá inicio a Jornada Pedagógica

Ascom PMT - Marta AlvesApós uma manhã com gestores e coordenadores a secretária...

PB tem 32 cidades que podem ter surto de dengue, zika e chikungunya

PB tem 32 cidades que podem ter surto de dengue, zika e chikungunya

Portal CorreioA Paraíba tem 32 municípios que apresentaram índices que demonstram...

 

 

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária suspendeu nessa quinta (14) a distribuição e a venda dos lotes dos anti-inflamatórios diclofenaco, estolato de eritromicina e nimesulida da empresa Prati Donaduzzi. A decisão foi tomada porque a empresa alterou o processo de produção dos três medicamentos sem prévia avaliação da agência reguladora.

 
A Anvisa também determina que a empresa recolha o estoque existente no mercado e recomenda que quem tenha o produto em casa não faça uso.
 
Os lotes do diclofenaco sódico 50 mg suspensos são todos produzidos até dia 19 de outubro de 2015. Já o estolato de eritromicina 50 mg/mL suspensão oral e a nimesulida 50 mg/mL suspensão oral tiveram suspensos todos os lotes produzidos com irregularidade, sem especificação de data.
 
Procurada, a empresa Pratti Donaduzzi disse que as alterações feitas sem autorização da Anvisa visam à modernização dos processos produtivos e do parque fabril, com instalação de novos equipamentos com a mais alta tecnologia disponível no mercado mundial.
 
Em nota, a empresa afirma que seus produtos atendem os mais altos padrões de qualidade e eficácia na sua plenitude, “uma vez que as constatações pós-registro são de ordem documental”. A empresa diz que está tomando todas as medidas cabíveis para resolver a situação o mais breve possível. (UOL)