Pesquisa no Blog

Pesquisa no Google

 
bove=""

 

Vereadora Lenira - Tavares/PB

REAL JUREMA CAMPEÃ 2017 DO CAMPEONATO TAVARENSE DE FUTEBOL

Nenhum texto alternativo automático disponível.

PADRE DJACY BRASILEIRO

NA LUTA CONSTANTE EM FAVOR

DA CLASSE MENOS FAVORECIDA 

DO  SERTÃO PARAIBANO

Rádio Web

KM JUREMA

    Org. Pauliano Tomaz (Mimim)

Art Regina, Art com grafite

O CANAL DO BLOG NO YOUTUBE

     Comunicação Audiovisual                  

        fone: (83)9 98698213

            Hélio Mendes

STAR FOTO E VÍDEO

  

By Fábio Arrud@&Silvan@

Praça Coronel José Pereira -04

Centro-Princesa Isabel - PB

CONTATO: 041 83 999463213

                   FECEBOOK

ESPAÇO DEMOCRÁTICO, MANDE 

SUAS INFORMAÇÕES.

VOCÊ É RESPONSÁVEL PELO

CONTEÚDO QUE NOS ENVIA!!!

 

 

Suspeito de causar acidente que matou dez paraibanos dirigia há 12h, diz polícia...

Suspeito de causar acidente que matou dez paraibanos dirigia há 12h, diz polícia...

 A Polícia Civil de Minas Gerais ouviu nesta quarta-feira (17) o motorista...

Vereador é suspeito de pagar R$ 100 pra jovem de 13 anos fazer sexo oral; ele pagou com dinheiro falso...

Vereador é suspeito de pagar R$ 100 pra jovem de 13 anos fazer sexo oral; ele pagou com dinheiro falso...

A Polícia Civil de Primavera do Leste, a 247 km de Cuiabá, investiga denúncia de...

Em PE, Mulher morre ao sofrer choque elétrico após colocar celular para carregar em Santa Cruz do Capibaribe, PE

Em PE, Mulher morre ao sofrer choque elétrico após colocar celular para carregar em Santa Cruz do Capibaribe, PE

 Uma mulher de 30 anos morreu vítima de um choque elétrico na noite da...

Botijão de gás de cozinha ficará mais barato nas refinarias

Botijão de gás de cozinha ficará mais barato nas refinarias

 Redução deverá ser de 5% nas refinarias; mudança no repasse ao consumidor depende...

Jovem tavarense, Mikael, que lutava contra um câncer  morre aos 24 anos de idade na cidade de Tavares

Jovem tavarense, Mikael, que lutava contra um câncer morre aos 24 anos de idade na cidade de Tavares

 Morreu na manhã desta quarta-feira , dia 17 de Janeiro de 2018,  Mikael...

Festa de padroeiro da comunidade Lajedo Bonito em Tavares, acontece neste sábado (20) com patrocínio da prefeitura municipal

Festa de padroeiro da comunidade Lajedo Bonito em Tavares, acontece neste sábado (20) com patrocínio da prefeitura municipal

A Comunidade do sitio Lajedo Bonito, na zona rural do município de Tavares, no Sertão da...

 

Severina Augusta, agricultora de 53 anos, encontrou tubérculo no quintal em Alagoa Grande
Foto: Maria dos Anjos/Arquivo Pessoal.
Uma agricultora de 53 anos, da comunidade quilombola Caiana dos Crioulos, em Alagoa Grande - Agreste da Paraíba -, colheu uma macaxeira de mais de 20 kg e 90 cm de comprimento. A agricultora Maria Severina Augusta, conhecida por dona Lia, de 53 anos, disse que “não sabia que ia ficar tão famosa” com a macaxeira colhida na segunda-feira (18). Comente no final da matéria.
 
Ela disse que já raspou o tubérculo e que já rendeu muita farinha. “Fiz farinha, massa, fiz tudo, uma vizinha minha que me ajudou. Foi farinha com força”, disse dona Lia, que sempre morou na comunidade quilombola. A macaxeira é cultivada no quintal de casa e ela planta principalmente por subsistência, mais que para vender.
 
“Essa é uma terra maravilhosa, abençoada por Deus!”, contou Severina.
 
Sua filha, Maria dos Anjos, ficou muito ansiosa com o caso. "Desde que Rosélia publicou a foto, não para de ligar gente pra cá querendo saber da macaxeira”, falou. O secretário de Cultura de Alagoa Grande Marcelo Lopes contou ao G1 que quando soube do caso correu para divulgar. “Fiz questão de que isso fosse o mais divulgado possível e deu certo”, explicou.
 
Caiana dos Crioulos
 
A comunidade quilombola Caiana dos Crioulos fica a cerca de 122 km de João Pessoa e tem 98 famílias. Ela compreende uma área de aproximadamente 646 hectares, de acordo com o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra).
 
As famílias vivem principalmente de culturas de subsistência, como feijão, fava, milho, mandioca, inhame, batata-doce, bem como da criação de animais e da fruticultura.
 
'Essa terra é maravilhosa', disse dona Lia que achou macaxeira de 20 kg e quase 1 metro de comprimento em Alagoa Grande.
 
G1 PB