Pesquisa no Blog

Pesquisa no Google

 
bove=""

 

Vereadora Lenira - Tavares/PB

REAL JUREMA CAMPEÃ 2017 DO CAMPEONATO TAVARENSE DE FUTEBOL

Nenhum texto alternativo automático disponível.

PADRE DJACY BRASILEIRO

NA LUTA CONSTANTE EM FAVOR

DA CLASSE MENOS FAVORECIDA 

DO  SERTÃO PARAIBANO

Rádio Web

KM JUREMA

    Org. Pauliano Tomaz (Mimim)

Art Regina, Art com grafite

O CANAL DO BLOG NO YOUTUBE

     Comunicação Audiovisual                  

        fone: (83)9 98698213

            Hélio Mendes

STAR FOTO E VÍDEO

  

By Fábio Arrud@&Silvan@

Praça Coronel José Pereira -04

Centro-Princesa Isabel - PB

CONTATO: 041 83 999463213

                   FECEBOOK

ESPAÇO DEMOCRÁTICO, MANDE 

SUAS INFORMAÇÕES.

VOCÊ É RESPONSÁVEL PELO

CONTEÚDO QUE NOS ENVIA!!!

 

  

 

 

Moro é do mal, diz Lula em reunião com intelectuais no Rio

Moro é do mal, diz Lula em reunião com intelectuais no Rio

 O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) disse, neste sábado (9), que o...

Fogo toma conta da Usina de Asfalto de Serra Talhada

Fogo toma conta da Usina de Asfalto de Serra Talhada

Matéria do Blog parceiro do amigo Cauê Rodrigues - Uma densa nuvem de fumaça tomou...

Homem de 53 anos é assassinado a tiros em Santa Cruz da Baixa Verde

Homem de 53 anos é assassinado a tiros em Santa Cruz da Baixa Verde

  Foto: WhatsApp Neste sábado (09), por volta das...

Banco é explodido na madrugada deste sábado na Paraíba.

Banco é explodido na madrugada deste sábado na Paraíba.

Uma agência bancária foi explodida na madrugada deste sábado, dia 09 de dezembro, no...

Unidade básica de saúde do Povoado Belém, em Tavares, entra em fase de conclusão.

Unidade básica de saúde do Povoado Belém, em Tavares, entra em fase de conclusão.

 Assessoria - A Prefeitura de Tavares, no Sertão da Paraíba, vai entregar...

Proprietária de mercadinho leva tapa no rosto ao ser assaltada, no Vale do Piancó

Proprietária de mercadinho leva tapa no rosto ao ser assaltada, no Vale do Piancó

   Dois homens, em uma moto, assaltaram o estabelecimento...

Agência Brasil

Com entrada em vigor prevista para 1º de janeiro do ano que vem, a tarifa branca de energia elétrica pode representar uma diminuição no valor da conta de luz para os que consumirem menos nos horários de pico (entre as 19h e as 21h. A adesão é opcional.
 
A Associação Brasileira de Distribuidores de Energia Elétrica (Abradee) alerta aqueles que queiram aderir à tarifa para que levem em consideração seu perfil de consumo, sob pena de verem o efeito contrário, com aumento na conta.
 
O presidente da Abradee, Nelson Leite, sugere que, antes de optar pela tarifa branca, o consumidor analise o próprio perfil e hábitos de uso da energia elétrica ao longo do dia. “Não é uma decisão simples. Ela envolve alguns cálculos e algumas estimativas do consumidor”, disse Leite nesta quarta-feira (6), durante o lançamento de uma cartilha explicativa elaborada pela instituição, com respostas para as dúvidas dos consumidores em relação à medida.
 
A nova modalidade permite ao consumidor pagar tarifas diferenciadas de acordo com a hora do dia. Na primeira fase, poderão adotar a tarifa os consumidores de de baixa tensão, como residências, pequenos comércios e indústrias, com consumo médio mensal superior a 500 quilowatts-hora (KWh). Em média, o consumo das famílias brasileiras é de 160 kWh/mês.
 
Nos horários de pico, a tarifa terá um valor mais alto. Fora desse horário, o preço cobrado será mais baixo. Também haverá uma tarifa de cobrança intermediária que valerá uma hora antes do início do horário de pico, entre as 18h e as 19h, e depois, entre as 21h e as 22h.
 
Inicialmente, a medida atingirá uma pequena parcela dos consumidores brasileiros. No primeiro momento, poderão aderir à tarifa branca cerca de 4 milhões de unidades consumidoras, o que representa cerca de 5% de tais unidades, estimou Leite.
 
Em janeiro de 2019 poderão aderir à nova tarifa aqueles que tenham média anual de consumo maior que 250 kWh/mês. Já a partir de 2020, a modalidade estará aberta a todas as unidades consumidoras, com exceção daquelas de baixa renda, beneficiadas pela tarifa social.
 
O consumidor deverá fazer a adesão na concessionária de energia que atende a sua cidade. Após análise do pedido, a concessionária tem 30 dias para fazer a troca do medidor de energia, no caso de unidades consumidoras já existentes, ou os prazos e procedimentos padrão para novas solicitações de fornecimento.