Pesquisa no Blog

Pesquisa no Google

 
bove=""

 

Vereadora Lenira - Tavares/PB

REAL JUREMA CAMPEÃ 2017 DO CAMPEONATO TAVARENSE DE FUTEBOL

Nenhum texto alternativo automático disponível.

PADRE DJACY BRASILEIRO

NA LUTA CONSTANTE EM FAVOR

DA CLASSE MENOS FAVORECIDA 

DO  SERTÃO PARAIBANO

Rádio Web

KM JUREMA

    Org. Pauliano Tomaz (Mimim)

Art Regina, Art com grafite

O CANAL DO BLOG NO YOUTUBE

     Comunicação Audiovisual                  

        fone: (83)9 98698213

            Hélio Mendes

STAR FOTO E VÍDEO

  

By Fábio Arrud@&Silvan@

Praça Coronel José Pereira -04

Centro-Princesa Isabel - PB

CONTATO: 041 83 999463213

                   FECEBOOK

ESPAÇO DEMOCRÁTICO, MANDE 

SUAS INFORMAÇÕES.

VOCÊ É RESPONSÁVEL PELO

CONTEÚDO QUE NOS ENVIA!!!

 

 

Jovem tavarense, Mikael, que lutava contra um câncer  morre aos 24 anos de idade na cidade de Tavares

Jovem tavarense, Mikael, que lutava contra um câncer morre aos 24 anos de idade na cidade de Tavares

 Morreu na manhã desta quarta-feira , dia 17 de Janeiro de 2018,  Mikael...

Festa de padroeiro da comunidade Lajedo Bonito em Tavares, acontece neste sábado (20) com patrocínio da prefeitura municipal

Festa de padroeiro da comunidade Lajedo Bonito em Tavares, acontece neste sábado (20) com patrocínio da prefeitura municipal

A Comunidade do sitio Lajedo Bonito, na zona rural do município de Tavares, no Sertão da...

Justiça Federal recebe ação de improbidade contra ex-prefeito de Tabira Dinca Brandino

Justiça Federal recebe ação de improbidade contra ex-prefeito de Tabira Dinca Brandino

 A Justiça Federal de Pernambuco recebeu a ação de improbidade feita pelos...

Na Paraíba, Adolescente grávida é morta pelo companheiro na tarde desta terça-feira (16)

Na Paraíba, Adolescente grávida é morta pelo companheiro na tarde desta terça-feira (16)

 Uma adolescente que estaria grávida foi morta a facadas pelo próprio...

Moto é apreendida depois de intensa perseguição policial a dois homens, em Ibiara; dupla conseguiu fugir

Moto é apreendida depois de intensa perseguição policial a dois homens, em Ibiara; dupla conseguiu fugir

 Depois de uma intensa perseguição policial, dois homens abandonaram uma...

Homem é preso após efetuar disparos de arma de fogo em Serra Talhada

Homem é preso após efetuar disparos de arma de fogo em Serra Talhada

 Na manhã dessa segunda-feira, dia 15, um home foi preso após efetuar disparos...

 

Um crime está chocando a comunidade de Campo Grande, capital do Mato Grosso do Sul. Uma jovem de apenas 20 anos, que estava grávida, foi encontrada morta ainda na última segunda-feira (18).

O que chama atenção de todos são os detalhes macabros que cercam o caso da garota. Luzia Antunes foi encontrada apenas com um corte profundo na gargante, uma morte nada comum, que geralmente é vista apenas em produções de ficção. Os policiais trabalham com três suspeitos, sendo que um deles seria o pai da criança, que estava separado da vítima. 

Conforme informações dos familiares, Luzia saiu da casa de uma irmã no final da tarde de domingo (17), junto de um desconhecido. Os dois iriam tomar açaí, conforme a jovem.

No entanto, a grávida não havia voltado para casa e todos começaram a ficar preocupados. Já no início da manhã da última segunda, populares localizaram o cadáver da vítima em uma sal&atilatilde;o de festas abandonado. 

As autoridades trabalham com, no mínimo, quatro suspeitos. Além do rapaz desconhecido que levou a jovem tomar açaí, Luzia também estava sendo ameaçada por outras três pessoas.

O principal suspeito, no entanto, é o ex-namorado, que tinha engravidado a jovem. No entanto, o homem não aceitava a gravidez e chegou a oferecer dinheiro para Luzia fazer o aborto.

Prontamente, a mulher recusou os R$ 4 mil oferecidos para a operação. Além dessa informação sobre o principal suspeito, as autoridades alertaram que o homem é um comerciante em Campo Grande. 

Já as irmãs de Luzia, deram entrevistas para veículos locais e afirmaram que outro suspeito é um segundo ex-namorado da vítima, que é paraguaio e já estava em outro relacionamento.

A nova mulher do suspeito também não aceitava a gravidez e chegou a fazer ameaças por mensagem de texto para a jovem. As irmãs pediram para que a grávida fosse até uma delegacia e fizesse uma denúncia dos dois homens que a ameaçavam.

No entanto, a vitima dizia que não tinha certeza sobre a paternidade do filho e por isso, não aceitaria a sugestão. 

 

News365