Pesquisa no Blog

Pesquisa no Google

 
bove=""

 

REAL JUREMA CAMPEÃ 2017 DO CAMPEONATO TAVARENSE DE FUTEBOL

 

 

 

PADRE DJACY BRASILEIRO

NA LUTA CONSTANTE EM FAVOR

DA CLASSE MENOS FAVORECIDA 

Rádio Web

KM JUREMA CLIQUE NA IMAGEM ABAIXO E OUÇA A RÁDIO AO VIVO

Art Regina, Art com grafite

  Comunicação Audiovisual

STAR FOTO E VÍDEO

 

By Fábio Arrud@&Silvan@

Praça Coronel José Pereira -04

Centro-Princesa Isabel - PB

CONTATO: 041 83 999463213

         FECEBOOK

Justiça mantém condenação de ex-prefeito de Cabedelo por ato de improbidade administrativa

Justiça mantém condenação de ex-prefeito de Cabedelo por ato de improbidade administrativa

O Tribunal de Justiça da Paraíba manteve, por unanimidade, a condenação do ex-prefeito do...

MORRE NO RECIFE, VÍTIMA QUEIMADA VIVA EM TABIRA.

MORRE NO RECIFE, VÍTIMA QUEIMADA VIVA EM TABIRA.

De acordo com informações passadas ao blog do companheiro Júnior Terra, o senhor José...

PREFEITURA DE ÀGUA BRANCA LANÇA A CAMPANHA TORCEDOR SOLIDÁRIO

PREFEITURA DE ÀGUA BRANCA LANÇA A CAMPANHA TORCEDOR SOLIDÁRIO

Durante o campeonato de futebol 2018, a Prefeitura Municipal de Água Branca, na PB,...

Casal tenta pagar motel com Bolsa Família e gerente chama a polícia

Casal tenta pagar motel com Bolsa Família e gerente chama a polícia

Crédito, débito ou Bolsa Família? Talvez tenham sido essas as possibilidades...

Governo municipal de Juru anuncia obras de pavimentação em mais duas Ruas na sede do município

Governo municipal de Juru anuncia obras de pavimentação em mais duas Ruas na sede do município

A Prefeitura de Juru, no Sertão da Paraíba, através da Secretaria de Obras do...

 

No início, a criança foi internada por várias vezes no Hospital e Maternidade Caçula Leite, na cidade de Conceição até ser submetida a exames, depois que os médicos desconfiaram das frequentes entradas da criança na unidade hospitalar e ela não apresentava melhora no seu quadro clínico.

O drama de Emanoel Diniz Martins, de 2 anos de idade, está comovendo várias pessoas da cidade de Conceição, no Sertão paraibano.
 
A criança se encontra internada no Hospital Universitário de Campina Grande acometida de leishmaniose, uma doença crônica, causada por parasitas flagelados do gênero Leishmania (protozoário), da família Trypanosomatidae, chamados de “leishmania”.

Quando os pais, Genildo Martins de Moraes e Maria Rosileide Vicente Diniz, descobriram a doença começou o drama da família. No início, a criança foi internada por várias vezes no Hospital e Maternidade Caçula Leite, na cidade de Conceição até ser submetida a exames, depois que os médicos desconfiaram das frequentes entradas da criança na unidade hospitalar e ela não apresentava melhora no seu quadro clínico.
 
Há cerca de 8 dias, saiu o exame e foi diagnosticado que o pequeno Emanoel estava acometido da doença. De imediato, o paciente foi levado para o hospital Universitário na cidade de Campina Grande, onde se encontra internado.
 
Durante uma entrevista à VPNTV, o pai da criança, emocionado pediu ajuda para a criança e para as viagens que a família precisa fazer até a cidade de Campina Grande.
 
A Leishmaniose é uma das doenças que mais afeta os cães no Brasil. Transmitida pela picada de mosquitos, a enfermidade pode causar problemas dermatológicos (perda de pelos em focinho, orelhas e região dos olhos), crescimento anormal das unhas, emagrecimento progressivo, anorexia, e dependendo das complicações e da evolução do quadro, o animal pode morrer. Muitas vezes, o cão está doente e o proprietário não percebe. Já há tratamento, porém a prevenção ainda é a melhor opção. Se prepare que vem textão!
 
Classificada entre as seis endemias prioritárias no mundo – segundo o Ministério da Saúde -, acometendo principalmente cães, gatos e humanos, a Leishmaniose é desconhecida por muitas pessoas. Os números da doença – segundo o Ministério da Saúde – revelam o impacto dela no Brasil: 90% dos casos da Leishmaniose Visceral Canina na América Latina acontecem no Brasil. Entre o ano de 2009 e 2013, 18 mil casos foram confirmados em humanos. A doença vem ganhando a atenção de todos, pois os casos estão aumentando a cada ano, assim como a taxa de mortalidade de cães e humanos.
 
A transmissão da Leishmaniose Visceral Canina ocorre pela picada das fêmeas infectadas do Lutzomyia longipalpis, conhecido como “mosquito-palha” ou “mosquito pólvora”. Primeiro o inseto infectado (vetor) pica o cão infectado (ou outros hospedeiros vertebrados, como gato, gambá, cavalo) e ingere a leishmania em sua forma amastigotas, que está presente no animal contaminado. Esta transforma-se dentro do intestino do vetor em promastigota, que é a forma infectante. Essa nova forma, através da picada do vetor irá infectar humanos e novos animais, destruindo seu sistema imunológico.

Fonte: Por Gilberto Angelo