Pesquisa no Blog

Conheça o autor

Pesquisa no Google

 
bove=""

 

REAL JUREMA CAMPEÃ 2017 DO CAMPEONATO TAVARENSE DE FUTEBOL

 

 

 

PADRE DJACY BRASILEIRO

NA LUTA CONSTANTE EM FAVOR

DA CLASSE MENOS FAVORECIDA 

Rádio Web

KM JUREMA CLIQUE NA IMAGEM ABAIXO E OUÇA A RÁDIO AO VIVO

Art Regina, Art com grafite

  Comunicação Audiovisual

STAR FOTO E VÍDEO

 

By Fábio Arrud@&Silvan@

Praça Coronel José Pereira -04

Centro-Princesa Isabel - PB

CONTATO: 041 83 999463213

         FECEBOOK

PRINCESA SEDIA I ENCONTRO DE MESAS DIRETORAS DOS CONSELHOS MUNICIPAIS DE SAÚDE

PRINCESA SEDIA I ENCONTRO DE MESAS DIRETORAS DOS CONSELHOS MUNICIPAIS DE SAÚDE

O município de Princesa Isabel, no Sertão da Paraíba, sedia hoje (18) o I Encontro...

Suspeito nega ter matado a esposa grávida: ‘ A gente nem brigava’

Suspeito nega ter matado a esposa grávida: ‘ A gente nem brigava’

Portal T5"Impossível ter tido pancada, pois nós não saímos com nenhum objeto”. Com...

Polícia recaptura fugitivo do PB1 tentando sair do estado; ainda restam 44 foragidos

Polícia recaptura fugitivo do PB1 tentando sair do estado; ainda restam 44 foragidos

Uma ação conjunta realizada entre a Polícia Militar e a Polícia Rodoviária Federal...

Bandidos encapuzados arrombam empresa em Serra Talhada e levam quantia de R$ 50 mil

Bandidos encapuzados arrombam empresa em Serra Talhada e levam quantia de R$ 50 mil

Três homens encapuzados arrombaram uma empresa distribuidora de alimentos em Serra...

 

A falta de uma regulamentação que depende da assinatura do presidente Michel Temer trava a liberação de R$ 18,4 bilhões em empréstimos a empresas no Nordeste e em cidades mais pobres de Minas Gerais e Espírito Santo.
 
O montante pertence ao FNE (Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste).
 
Assim como ocorreu com o BNDES, os fundos constitucionais como o FNE trocaram a antiga TJLP (Taxa de Juros de Longo Prazo) pela TLP (Taxa de Longo Prazo), mas com uma diferença: os fundos têm direito a abatimentos que reduzem a taxa.
 
Essa redução deve ser feita com a aplicação do chamado CDR (Coeficiente de Desequilíbrio Regional), que leva em consideração a diversidade econômica e social das diferentes regiões do país.
 
Segundo o Banco do Nordeste —responsável pela operação do —FNE, não é possível liberar o dinheiro até que um ato de Temer regulamente o sistema de cálculo e a aplicação do CDR.
 
Procurada pela reportagem da Folha, a Casa Civil informou que, na semana passada, recebeu a proposta de cálculo redigida pelo Ministério da Fazenda e que o texto agora está em análise na área jurídica.
 
Daniel Camargos – Folha de S.Paulo