Pesquisa no Blog

Conheça o autor

Pesquisa no Google

 
bove=""

 

REAL JUREMA CAMPEÃ 2017 DO CAMPEONATO TAVARENSE DE FUTEBOL

 

 

 

PADRE DJACY BRASILEIRO

NA LUTA CONSTANTE EM FAVOR

DA CLASSE MENOS FAVORECIDA 

Rádio Web

KM JUREMA CLIQUE NA IMAGEM ABAIXO E OUÇA A RÁDIO AO VIVO

Art Regina, Art com grafite

  Comunicação Audiovisual

STAR FOTO E VÍDEO

 

By Fábio Arrud@&Silvan@

Praça Coronel José Pereira -04

Centro-Princesa Isabel - PB

CONTATO: 041 83 999463213

         FECEBOOK

PRINCESA SEDIA I ENCONTRO DE MESAS DIRETORAS DOS CONSELHOS MUNICIPAIS DE SAÚDE

PRINCESA SEDIA I ENCONTRO DE MESAS DIRETORAS DOS CONSELHOS MUNICIPAIS DE SAÚDE

O município de Princesa Isabel, no Sertão da Paraíba, sedia hoje (18) o I Encontro...

Suspeito nega ter matado a esposa grávida: ‘ A gente nem brigava’

Suspeito nega ter matado a esposa grávida: ‘ A gente nem brigava’

Portal T5"Impossível ter tido pancada, pois nós não saímos com nenhum objeto”. Com...

Polícia recaptura fugitivo do PB1 tentando sair do estado; ainda restam 44 foragidos

Polícia recaptura fugitivo do PB1 tentando sair do estado; ainda restam 44 foragidos

Uma ação conjunta realizada entre a Polícia Militar e a Polícia Rodoviária Federal...

Bandidos encapuzados arrombam empresa em Serra Talhada e levam quantia de R$ 50 mil

Bandidos encapuzados arrombam empresa em Serra Talhada e levam quantia de R$ 50 mil

Três homens encapuzados arrombaram uma empresa distribuidora de alimentos em Serra...

 

Caso está sendo investigado pelo Ministério Público da Paraíba e ganhou repercussão nacional, principalmente junto a entidades que defendem a causa animal.

Foto: Reprodução WhatsApp

Portal Correio

O secretário de Saúde da cidade de Igaracy, José Carlos Maia, não responde mais pelo cargo. Ele foi afastado pelo prefeito José Carneiro da Silva após se envolver em uma polêmica que culminou com a matança de vários cachorros no município. O auxiliar teria ordenado o sacrifício dos animais que estavam soltos na rua e com suspeita de doenças.

O caso está sendo investigado pelo Ministério Público da Paraíba e ganhou repercussão nacional, principalmente junto a entidades que defendem a causa animal.

Nessa quinta-feira (8), a Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Paraíba, designou uma comissão para acompanhar o desdobramento do caso.

 

O secretário ficará afastado do cargo até a conclusão das investigações pela Polícia Civil e Ministério Público Estadual.