Pesquisa no Blog

Conheça o autor

Pesquisa no Google

 
bove=""

 

REAL JUREMA CAMPEÃ 2017 DO CAMPEONATO TAVARENSE DE FUTEBOL

 

 

 

PADRE DJACY BRASILEIRO

NA LUTA CONSTANTE EM FAVOR

DA CLASSE MENOS FAVORECIDA 

Rádio Web

KM JUREMA CLIQUE NA IMAGEM ABAIXO E OUÇA A RÁDIO AO VIVO

Art Regina, Art com grafite

  Comunicação Audiovisual

STAR FOTO E VÍDEO

 

By Fábio Arrud@&Silvan@

Praça Coronel José Pereira -04

Centro-Princesa Isabel - PB

CONTATO: 041 83 999463213

         FECEBOOK

Em Piancó, apenados tentam fuga da cadeia pública mas são impedidos pela PM

Em Piancó, apenados tentam fuga da cadeia pública mas são impedidos pela PM

A cidade de Piancó amanheceu o domingo (09/12) agitado com a notícia de que apenados...

Fábio Tyrone, prefeito de Sousa, vai novamente para páginas policiais

Fábio Tyrone, prefeito de Sousa, vai novamente para páginas policiais

Paraiba.com.brNão é a primeira vez que o prefeito Fábio Tyrone troca de noticiário,...

Dois integrantes do MST são executados a tiros dentro de fazenda ocupada na Paraíba

Dois integrantes do MST são executados a tiros dentro de fazenda ocupada na Paraíba

Por Luanja DantasDois homens foram assassinados a tiros na madrugada deste sábado,...

Polícia prende mais cinco suspeitos de tentativa de assalto a banco no Ceará

Polícia prende mais cinco suspeitos de tentativa de assalto a banco no Ceará

A Secretaria da Segurança do Ceará anunciou neste sábado (8) que prendeu mais cinco...

Corpos de família morta no Ceará são sepultados no Sertão

Corpos de família morta no Ceará são sepultados no Sertão

Foto: Orlando Santos/ TV Jornal Caruaru TV Jornal Caruaru Sob forte...

O Tribunal de Contas do Estado da Paraíba, negou provimento ao Recurso de Reconsideração impetrado pelo ex-prefeito de Princesa Isabel, Domingos Sávio Maximiano Roberto - Dominguinhos (PSDB), que buscava rever a condenação / rejeição da prestação de contas referentes ao ano de 2012. Segundo o TCE, despesas não licitadas no valor de R$ 1.095.207,00 ensejaram o não reconhecimento do Recurso e os valores devem ser devolvidos aos cofres públicos.

Prestação de Contas 2012

Ainda sobre as contas de 2012, o TCE não reconheceu o Recurso e manteve a imputação de débito, no famoso Caso dos R$ 60 mil:

"Por fim, quanto à imputação da quantia de R$ 60.000,00 ao ex-prefeito do Município de Princesa Isabel, Sr. Domingos Sávio Maximiano Roberto, em que pese a alegação da referida autoridade acerca da incompetência desta Corte de Contas estadual para analisar a aplicação dos recursos envolvidos, por tratar-se de valores originários da União, cumpre enfatizar que o dinheiro público foi, na verdade, proveniente do Fundo de Participação dos Municípios - FPM, ocasionando, assim, prejuízo ao erário municipal."

Segue o Acórdão:

"Concorde evidenciado o ACÓRDÃO APL - TC 00618 / 15, no dia 02 de outubro de 2012, ocorreu a transferência do total de R$ 60.000,00 da conta nº 15533-0, referente ao Convênio de Esgotamento Sanitário, para a conta nº 5388-0 - FPM e posterior saque na mesma data de duas quantias nos valores singulares de R$ 30.000,00, através de cheques nºs 863.545 e 863.546, supostamente destinados à empresa RLA CONSTRUÇÕES E SERVIÇOS LTDA. Já no dia 10 de outubro de 2012, a soma de R$ 60.000,00 retornou para a conta vinculada, após entrada, neste mesmo dia, da parcela correspondente à cota-parte do FPM."

"Cumpre ainda repisar que, apesar das reproduções dos cheques encaminhados à Casa Legislativa local estarem nominais à mencionada empresa, as microfilmagens disponibilizadas pelo BANCO DO BRASIL S/A indicam que as ordens de pagamentos foram direcionados à PREFEITURA DE PRINCESA ISABEL e que os valores foram sacados diretamente no banco na agência da Urbe de Princesa Isabel /PB. Desta forma, diante do envio de informações não condizentes com a realidade fática, consubstanciada na divergência entre os documentos públicos apresentados pela Comuna e as cópias das microfilmagens dos cheques, a imputação de débito deve subsistir."

Em novembro de 2015, o Ministério Público Federal determinou o afastamento de Dominguinhos do cargo de prefeito. O Caso dos R$ 60 Mil foi manchete em portais de repercussão nacional. Relembre: Clique aqui

A  íntegra da decisão pode ser vista no site do TCE - PB. o Processo Eletrônico é o nº 05602 / 13

 

Política24h