Pesquisa no Blog

Pesquisa no Google

 
bove=""

 

REAL JUREMA CAMPEÃ 2017 DO CAMPEONATO TAVARENSE DE FUTEBOL

 

 

 

PADRE DJACY BRASILEIRO

NA LUTA CONSTANTE EM FAVOR

DA CLASSE MENOS FAVORECIDA 

Rádio Web

KM JUREMA CLIQUE NA IMAGEM ABAIXO E OUÇA A RÁDIO AO VIVO

Art Regina, Art com grafite

  Comunicação Audiovisual

STAR FOTO E VÍDEO

 

By Fábio Arrud@&Silvan@

Praça Coronel José Pereira -04

Centro-Princesa Isabel - PB

CONTATO: 041 83 999463213

         FECEBOOK

HOMEM É MORTO A FACADAS EM BAR NA CIDADE DE TAVARES, NA PB.

HOMEM É MORTO A FACADAS EM BAR NA CIDADE DE TAVARES, NA PB.

Imagem de WhatsAppUm homem identificado inicialmente por Damião foi morto na noite...

Dupla é presa utilizando bloqueador de alarmes para furtar carros em shopping de João Pessoa

Dupla é presa utilizando bloqueador de alarmes para furtar carros em shopping de João Pessoa

A polícia prendeu em flagrante na tarde desta segunda-feira (16) dois homens que...

Corpo encontrado na manhã desta segunda-feira (16) em Princesa Isabel é de um jovem de Manaíra, na PB
Simpática presidente da Croácia se torna exemplo para os políticos brasileiros

Simpática presidente da Croácia se torna exemplo para os políticos brasileiros

Nenhuma autoridade política se destacou tanto na Copa do Mundo 2018 quanto Kolinda...

Tavares: Secretaria de Assistência Social realiza cadastro de famílias a serem contempladas com o Programa Água para Todos

Tavares: Secretaria de Assistência Social realiza cadastro de famílias a serem contempladas com o Programa Água para Todos

A Prefeitura de Tavares, no Sertão da Paraíba, através da Secretaria de Assistência...

Brasil 247

cármen_LULA

Com o voto de desempate da presidente, Cármen Lúcia, o Supremo Tribunal Federal negou nesta madrugada, por 6 votos a 5, o pedido de habeas corpus preventivo do ex-presidente Lula contra possível prisão pela condenação em segunda instância; em mais de 10 horas de julgamento, com o Supremo claramente dividido, o relator da matéria, Edson Fachin, votou contra o habeas corpus, sendo seguido pelos ministros Alexandre de Moraes, Luis Roberto Barroso, Rosa Weber e Luiz Fux; posição de Gilmar Mendes, segundo a votar, abriu divergência a Fachin, e foi seguida pelos ministros Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski, Marco Aurélio Mello e Celso de Mello.

Com o voto de desempate da presidente, Cármen Lúcia, o Supremo Tribunal Federal negou nesta madrugada, por 6 votos a 5, o pedido de habeas corpus preventivo do ex-presidente Lula contra possível prisão pela condenação em segunda instância.

Em mais de 10 horas de julgamento, com o Supremo claramente dividido, o relator da matéria, Edson Fachin, votou contra o habeas corpus, sendo seguido pelos ministros Alexandre de Moraes, Luis Roberto Barroso, Rosa Weber e Luiz Fux.

A posição de Gilmar Mendes, segundo a votar, abriu divergência a Fachin, e foi seguida pelos ministros Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski, Marco Aurélio Mello e Celso de Mello.