Pesquisa no Blog

Pesquisa no Google

 
bove=""

 

Vereadora Lenira - Tavares/PB

REAL JUREMA CAMPEÃ 2017 DO CAMPEONATO TAVARENSE DE FUTEBOL

 

 

 

PADRE DJACY BRASILEIRO

NA LUTA CONSTANTE EM FAVOR

DA CLASSE MENOS FAVORECIDA 

DO  SERTÃO PARAIBANO

Rádio Web

KM JUREMA CLIQUE NA IMAGEM ABAIXO E OUÇA A RÁDIO AO VIVO

Art Regina, Art com grafite

O CANAL DO BLOG NO YOUTUBE

     Comunicação Audiovisual                  

        fone: (83)9 98698213

            Hélio Mendes

STAR FOTO E VÍDEO

  

By Fábio Arrud@&Silvan@

Praça Coronel José Pereira -04

Centro-Princesa Isabel - PB

CONTATO: 041 83 999463213

                   FECEBOOK

 

 

Quadrilha é presa suspeita de roubo de carga de caminhões em Monteiro, PB

Quadrilha é presa suspeita de roubo de carga de caminhões em Monteiro, PB

Foto: João Joaldo/Polícia CivilQuatorze pessoas integrantes de uma quadrilha...

Abertura da Copa Seconfov de Futsal em Tavares é marcada por grande público

Abertura da Copa Seconfov de Futsal em Tavares é marcada por grande público

Com informações e fotos de Marta Alves - AscomA prefeitura de Tavares, no...

Corpo de agricultor é encontrado boiando no açude do Macambira em Solidão

Corpo de agricultor é encontrado boiando no açude do Macambira em Solidão

Em Solidão, no Vale do Pajeú, a GT do graduado de Operações foi informada por volta das...

Caminhão pipa tomba no Vale do Piancó

Caminhão pipa tomba no Vale do Piancó

Um caminhão pipa, pertencente a Luiz Mário, tombou, por volta das 13h, desta quarta-feira...

Construção de posto de saúde do bairro José Benone em Água Branca, na PB,  já está em andamento

Construção de posto de saúde do bairro José Benone em Água Branca, na PB, já está em andamento

Conforme já havia sido anunciado pela Secretaria de Saúde de Água Branca, no Sertão...

Psicólogo é preso após prefeito denunciar falsos atestados médicos em São José de Caiana

Psicólogo é preso após prefeito denunciar falsos atestados médicos em São José de Caiana

Prefeito Zé Leite (foto) denunciou o psicólogo após atestados médicos falso.Um...

Portal Correio

amigo-de-leto-vitor-hugo-nega-ter-influencia-do-gestor-preso

Vitor Hugo (Foto: Alexandre Freire/Portal Correio)

Imagine você se tornar prefeito de uma cidade com um eleitorado de mais de 44 mil pessoas com apenas 834 votos. Pois foi exatamente o que aconteceu com o agora mandatário de Cabedelo, Vítor Hugo (PRP), que assumiu o comando da cidade portuária nessa quarta-feira (4) após uma série de escândalos no município.

Na terça-feira (3), o então prefeito de Cabedelo, Leto Viana (PRP) foi preso após ser alvo da Operação Xeque-Mate, deflagrada pela Polícia Federal. Também foram presos o presidente da Câmara Municipal e mais quatro vereadores. O vice-prefeito e mais cinco parlamentares foram afastados do cargo.

Com isso, a Câmara de Vereadores e a Prefeitura de Cabedelo ficaram sem comando. Foi eleita uma nova mesa diretora na Câmara, em que Vítor Hugo foi eleito presidente. Com a linha sucessória, ele assumiu a prefeitura da cidade. Para se ter uma ideia, Leto havia assumido com 15.901 votos, o que representou 48,3% do total de votantes.

Mas não foi apenas Vítor Hugo que se beneficiou com a devassa em Cabedelo. Por conta do afastamento dos vereadores, dez suplentes conseguiram uma cadeira na Câmara Municipal. Teve suplente que assumiu tendo apenas 309 votos, o que representa 0,88% dos votos. Confira a lista de quem assumiu e sua votação ao fim da matéria.

Para o cientista político e professor José Artigas, esse fato não pode ser considerado como antidemocrático ou mesmo que enfraqueça a democracia, pelo fato de estar sustentado pela lei, porém, ele vê como ruim.

“A legislação prevê que não ocorra nova eleição. Neste caso não há muito questionamento, a lei é essa. Este é o sistema. É bom destacar que o infelizmente os suplentes fazem parte do processo. É ruim, mas não é antidemocrático”, declarou.

Segundo ele, é ruim pelo fato da população não conseguir entender o cálculo que é feito para que se chegue ao resultado final para as cadeiras de um Parlamento. Ainda de acordo com o professor, em uma das eleições foram necessários 400 cálculos matemáticos para se chegar ao resultado. Ele explicou ainda que por conta das coligações proporcionais, muitas vezes o eleitorado não se sente contemplado.

“O voto não vai para o candidato. Vai para partido ou coligação. Só para se ter uma ideia da importância, dos 513 deputados federais, apenas 36 foram eleitos com seus próprios votos. A maioria foi eleita com votos que sobraram. Então não votamos em candidatos, votamos em partidos e coligações. E nisso há um conflito de representação. Porque você pode votar em um candidato de um partido com uma ideologia ‘A’ e ele ter se coligado com um partido de ideologia ‘B’, que pode ser o oposto da outra e com isto você pode acabar elegendo quem não te representa”, explicou.

Ele disse ainda que a partir das eleições de 2020, as coligações proporcionais estarão proibidas, fazendo com que essa discrepância seja, ao menos, diminuída.

 

Veja a lista com os novos vereadores e suas votações em 2016, de acordo com o Tribunal Superior Eleitoral: Clique aqui e veja...