Pesquisa no Blog

Pesquisa no Google

 
bove=""

 

PADRE DJACY BRASILEIRO

NA LUTA CONSTANTE EM FAVOR

DA CLASSE MENOS FAVORECIDA 

Rádio Web

KM JUREMA

Org. Pauliano Tomaz

Art Regina, Art com Grafite

Comunicação Audiovisual -Tavares/PB.

 Fone: (83) 9 9869-8213. Hélio Mendes.

STAR FOTO E VÍDEO

 

By Fábio Arrud@&Silvan@

Praça Coronel José Pereira -04

Centro-Princesa Isabel - PB

CONTATO: 041 83 999463213

         FECEBOOK

Maia apoia retirada do BPC e da aposentadoria rural da reforma da Previdência

Maia apoia retirada do BPC e da aposentadoria rural da reforma da Previdência

Luis Macedo/Câmara dos DeputadosAgência Câmara Notícias O presidente da...

Avianca encerra rota para João Pessoa a partir de abril; veja mais trechos afetados

Avianca encerra rota para João Pessoa a partir de abril; veja mais trechos afetados

Fonte: Paraiba.com.brA Avianca Brasil anunciou, nesta terça-feira (26), que vai...

Mãe bate na filha usando facão em cidade do Sertão da Paraíba, confira

Mãe bate na filha usando facão em cidade do Sertão da Paraíba, confira

Imagem da InternetUma menor de idade, procurou o Conselho Tutelar da cidade de Monte...

TV Correio repercute situação de famílias catingueirenses que não conseguem enterrar seus parentes

TV Correio repercute situação de famílias catingueirenses que não conseguem enterrar seus parentes

A equipe da TV Correio, afiliada a Rede Record de televisão, esteve nesta...

Governo Municipal de Água Branca e SEBRAE realizam palestra: "como vender pelo instagram”

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Resultado de imagem para fotos stf brasília

Agência Brasil

A Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) decide nesta terça-feira (17) sobre o recebimento da denúncia contra o senador Aécio Neves (PSDB-MG) em um dos inquéritos resultantes da delação do empresário Joesley Batista, da JBS.

A sessão está marcada para as 14h. A Primeira Turma é composta pelos seguintes ministros: Marco Aurélio Mello (relator), Alexandre de Moraes (presidente), Luís Roberto Barroso, Luiz Fux e Rosa Weber.

Segundo a denúncia, Aécio solicitou a Joesley Batista, em conversa gravada pela Polícia Federal (PF), R$ 2 milhões em propina, em troca de sua atuação política. O senador foi acusado dos crimes de corrupção passiva e tentativa de obstruir a Justiça. 

Também são alvos da mesma denúncia a irmã do senador, Andrea Neves, o primo dele, Frederico Pacheco, e Mendherson Souza Lima, ex-assessor parlamentar do senador Zezé Perrella (PMDB-MG), flagrado com dinheiro vivo. Todos foram acusados de corrupção passiva.

Em entrevista à imprensa ontem (16), Aécio negou as acusações, criticou a Procuradoria-Geral da República (PGR) e desacreditou as informações obtidas por meio da delação de Joesley Batista, um dos executivos da J&F.

Nesta segunda-feira (16), a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, reiterou no Supremo Tribunal Federal (STF) pedido de abertura de ação penal contra o senador Aécio Neves. Se o pedido for aceito, o senador se tornará réu do processo.