Pesquisa no Blog

Pesquisa no Google

 
bove=""

 

REAL JUREMA CAMPEÃ 2017 DO CAMPEONATO TAVARENSE DE FUTEBOL

 

 

 

PADRE DJACY BRASILEIRO

NA LUTA CONSTANTE EM FAVOR

DA CLASSE MENOS FAVORECIDA 

Rádio Web

KM JUREMA CLIQUE NA IMAGEM ABAIXO E OUÇA A RÁDIO AO VIVO

Art Regina, Art com grafite

  Comunicação Audiovisual

STAR FOTO E VÍDEO

 

By Fábio Arrud@&Silvan@

Praça Coronel José Pereira -04

Centro-Princesa Isabel - PB

CONTATO: 041 83 999463213

         FECEBOOK

Justiça mantém condenação de ex-prefeito de Cabedelo por ato de improbidade administrativa

Justiça mantém condenação de ex-prefeito de Cabedelo por ato de improbidade administrativa

O Tribunal de Justiça da Paraíba manteve, por unanimidade, a condenação do ex-prefeito do...

MORRE NO RECIFE, VÍTIMA QUEIMADA VIVA EM TABIRA.

MORRE NO RECIFE, VÍTIMA QUEIMADA VIVA EM TABIRA.

De acordo com informações passadas ao blog do companheiro Júnior Terra, o senhor José...

PREFEITURA DE ÀGUA BRANCA LANÇA A CAMPANHA TORCEDOR SOLIDÁRIO

PREFEITURA DE ÀGUA BRANCA LANÇA A CAMPANHA TORCEDOR SOLIDÁRIO

Durante o campeonato de futebol 2018, a Prefeitura Municipal de Água Branca, na PB,...

Casal tenta pagar motel com Bolsa Família e gerente chama a polícia

Casal tenta pagar motel com Bolsa Família e gerente chama a polícia

Crédito, débito ou Bolsa Família? Talvez tenham sido essas as possibilidades...

Governo municipal de Juru anuncia obras de pavimentação em mais duas Ruas na sede do município

Governo municipal de Juru anuncia obras de pavimentação em mais duas Ruas na sede do município

A Prefeitura de Juru, no Sertão da Paraíba, através da Secretaria de Obras do...

 

WSCOM

O deputado federal Luiz Lula Couto (PT-PB), presidente da Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos Deputados, foi impedido de visitar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) na prisão em Curitiba, no Paraná na tarde desta terça-feira, 8. A comitiva de parlamentares comandada pelo paraibano chegou a entrar na Superintendência da Policia Federal, porém foi barrada por despacho da juíza da 12º Vara Federal de Curitiba, Carolina Lebbos. Para Couto, o judiciário do Paraná desrespeitou mais uma vez a autonomia do Parlamento brasileiro.

“Vamos acionar o presidente da Câmara para que ele denuncie o total desrespeito à autonomia desta Comissão que tem a competência de visitar presos sem comunicado à justiça”, disse Couto ao sair da sede da PF.

Estiveram presentes em Curitiba, as deputadas federais Maria do Rosário (PT-RS), Luizianne Lins (PT-CE), e o deputado Dionilso Marcon (PT-RS), Patrus Lula Ananias, além de Couto.

Ao receber a segunda negativa, Couto disse à imprensa que denunciará o ato da Juíza paranaense à Comissão Nacional de Justiça (CNJ). “No tempo da ditadura, Lula visitou vários presos políticos e hoje ele é um preso político e a Comissão de Direitos Humanos não pode visitá-lo. A juíza acha que pode tudo, até mesmo impedir a visita de uma comissão que representa a Câmara dos Deputados”, lamentou Luiz Couto, lembrando que é a segunda vez que uma comissão externa da Câmara dos Deputados é barrada pela juíza Lebbos. “Essa é uma decisão de enganação. Estamos vivendo um Estado de exceção. Não se respeita mais a Constituição, não se respeita mais o Parlamento. O Brasil precisa retomar o Estado democrático de direito. Uma juíza não pode achar que tem poderes absolutos, desrespeitando a própria Legislação”, denunciou.

A visita que deveria ter acontecido nesta tarde cumpre requerimentos aprovados por unanimidade pelo colegiado no último dia 18 de abril, de autoria dos deputados Marcon, vice presidente da CDHM, e Paulão (PT-AL). A indefinição de qual autoridade tem hoje a competência de liberar o acesso de visitantes às dependências da Superintendência da PF é uma das causas da segunda negativa à Comissão.

Em 26 de abril, o deputado Luiz Couto oficiou a juíza Carolina Lebbos com o objetivo de dar ciência sobre a vinda da comitiva a Curitiba. Em resposta, a magistrada afirmou que eventuais novas solicitações de visitas ao ex-presidente deveriam ser direcionadas à autoridade policial responsável pela custódia.

No dia 2 de maio, o presidente da CDHM fez então solicitação ao Superintendente da Policia Federal no Paraná, Mauricio Leite Valeixo.

“Na sexta-feira fui surpreendido com resposta do delegado no sentido de que diligências para averiguar a situação dos custodiados deveriam ser submetidas ao Poder Judiciário. Um ping pong, um joga a responsabilidade para outro”, explicou Couto, acrescentando: “Quando temos requerimentos aprovados e uma juíza, sem qualquer justificativa plausível, nos impede de fazer essa visita é sinal claro que o judiciário está tratando essa prisão como política”, disse Couto.

Carta que Luiz Couto encaminhou a Lula uma carta em nome do povo paraibano. O documento está reproduzido na íntegra, a seguir:

Estimado Presidente Lula, trago ao seu conhecimento o sentimento de indignação de todos os paraibanos que têm sofrido ao seu lado desde que decretou-se sua prisão. Essa indignação, aliás, ultrapassa a fronteira de meu estado natal e mesmo do Brasil. A tristeza que nasceu da injustiça contra o maior presidente da história de nosso país está no mundo inteiro. A mim, como paraibano, cabe falar da dor que vejo estampada nos rostos de meus conterrâneos. Nós não aceitamos e não vamos tolerar qualquer ato de violência cometida contra a sua pessoa. Esta violência não está apenas em eventuais atos físicos. Ela é muito mais ampla e está ligada ao trâmite processual que inventaram para tentar macular sua imagem. A Paraíba sempre valorizou seu trabalho e seu legado durante o tempo em que esteve na presidência da República. O Senhor, presidente Lula, redefiniu o lugar dos excluídos, levando pão à mesa, fazendo com que os filhos dos pobres chegassem à universidade e até mesmo contribuindo para que os mais necessitados conhecessem o que antes apenas a classe média experimentara. Seu governo, voltado para incluir quem era esquecido, mudou a história do Nordeste não apenas com o Bolsa Família, ou a expansão das universidades, ou o aumento do salário mínimo de 64 para 260 dólares em 2010. A paisagem humana inegavelmente é outra. Mas a paisagem geográfica do Nordeste também mudou. O que se falava desde o Império, virou realidade pela sua determinação e trabalho intensos. Ironicamente, quando a Transposição do Rio São Francisco começou a pintar de verde o território árido do Nordeste, o senhor pouco tempo teve para ver essa tocante lembrança. Não é justo! Queremos eleições limpas e sem Golpe! O povo brasileiro tem o direito de opinar entre todos os candidatos e dizer quem fez mais, quem pode mais, quem nos representa. Queremos manter viva a democracia brasileira, a Justiça do Brasil e queremos acreditar no contraditório e não num estado de exceção baseado em convicções, presunções e julgamentos sumários que o valham. Nossa irrestrita solidariedade pela injustiça que tem sido cometida desde o dia 7 de abril deste ano. Aliás, desde 2016 que o Brasil deixou de ser um país respeitado para virar uma nação instável, onde tudo pode desde que esse seja o desejo das elites. Em nome do povo, presidente, trago um abraço e a esperança de mudar, mais uma vez, para melhor o Brasil. Conte conosco. Um abraço da pequenina, mas valente Paraíba, que não foge à luta e que nunca cansou de carregar sua dor. Ao contrário, se faz ainda maior juntando sua resistência à fé em sua inocência. Minha terra amada, meu sublime torrão, anseia por sua liberdade e quer Lula livre para o bem do Brasil!