Pesquisa no Blog

Pesquisa no Google

 
bove=""

 

REAL JUREMA CAMPEÃ 2017 DO CAMPEONATO TAVARENSE DE FUTEBOL

 

 

 

PADRE DJACY BRASILEIRO

NA LUTA CONSTANTE EM FAVOR

DA CLASSE MENOS FAVORECIDA 

Rádio Web

KM JUREMA CLIQUE NA IMAGEM ABAIXO E OUÇA A RÁDIO AO VIVO

Art Regina, Art com grafite

  Comunicação Audiovisual

STAR FOTO E VÍDEO

 

By Fábio Arrud@&Silvan@

Praça Coronel José Pereira -04

Centro-Princesa Isabel - PB

CONTATO: 041 83 999463213

         FECEBOOK

Segundo fugitivo da cadeia de Itapetim-PE é recapturado em Teixeira-PB

Segundo fugitivo da cadeia de Itapetim-PE é recapturado em Teixeira-PB

Na tarde desta quinta-feira (16), o segundo fugitivo da cadeia pública de Itapetim, no...

Atenção Água Branca para essa grande oportunidade!

Atenção Água Branca para essa grande oportunidade!

ÚLTIMO DIA PARA SUA INSCRIÇÃO!A Prefeitura de Água Branca, na PB, através da...

Preso é resgatado de carro do sistema penitenciário na Zona da Mata de Pernambuco

Preso é resgatado de carro do sistema penitenciário na Zona da Mata de Pernambuco

Veículo do sistema penitenciário foi interceptado por bandidos na rodovia PE-50,na...

PE: Soldado da PM é morto no caminho do trabalho em Goiana

PE: Soldado da PM é morto no caminho do trabalho em Goiana

Um soldado da Polícia Militar foi morto na BR-101, próximo ao viaduto que dá acesso...

 

O senhor Genaro Germano, 69 anos, matou irmã, esposa de um sobrinho e depois se matou no início da noite desta segunda-feira (11) em Serra Talhada, no Sertão do Pajeú. Ele era relojoeiro e atuava nas imediações, na Capital do Xaxado.
 
Uma das vítimas foi identificada como Ivaneide Silva,  esposa de um de seus sobrinhos. Ele ainda alvejou um genro que sobreviveu. Ainda não há detalhes do que provocou a discussão. O lamentável crime chocou a cidade.
 
Genaro era tido como pessoa pacata, sem histórico de violência. É tio do prefeito de Belo Jardim, Hélio dos Terrenos. O episódio aconteceu no Bairro São Cristóvão.
 
Morte no fim de semana: 
 
No fim de semana, o pedreiro José Leite da Silva Neto, 45 anos, foi morto com um tiro de espingarda na região do tórax. O principal suspeito do crime é Adriano Bernardo da Silva, 46 anos, também pedreiro.
 
Eles estavam bebendo. José Leite ficou horas agonizando sem socorro, pois o local era muito isolado e de difícil acesso. Levado ao Hospam, não resistiu. (Por Nill JR.)