Pesquisa no Blog

Conheça o autor

Pesquisa no Google

 
bove=""

 

REAL JUREMA CAMPEÃ 2017 DO CAMPEONATO TAVARENSE DE FUTEBOL

 

 

 

PADRE DJACY BRASILEIRO

NA LUTA CONSTANTE EM FAVOR

DA CLASSE MENOS FAVORECIDA 

Rádio Web

KM JUREMA CLIQUE NA IMAGEM ABAIXO E OUÇA A RÁDIO AO VIVO

Art Regina, Art com grafite

  Comunicação Audiovisual

STAR FOTO E VÍDEO

 

By Fábio Arrud@&Silvan@

Praça Coronel José Pereira -04

Centro-Princesa Isabel - PB

CONTATO: 041 83 999463213

         FECEBOOK

Homem é morto a tiro, durante emboscada, no Vale do Piancó

Homem é morto a tiro, durante emboscada, no Vale do Piancó

Um homem, identificado como Lourimar Carneiro Feitoza, conhecido como “Lorimar...

Salário mínimo será de R$ 1.006 após Comissão aprovar Orçamento de 2019. SAIBA MAIS...

Salário mínimo será de R$ 1.006 após Comissão aprovar Orçamento de 2019. SAIBA MAIS...

De acordo com informação da Rádio Jornal, a Comissão Mista de Orçamento (CMO) aprovou o...

João de Deus será considerado foragido se não se entregar hoje

João de Deus será considerado foragido se não se entregar hoje

João de Deus terá que se entregar às autoridades até 14 horas deste sábado (15). Se não...

Inter de Milão dá prioridade ao Flamengo por Gabigol e Miranda, mas quer Lincoln

Inter de Milão dá prioridade ao Flamengo por Gabigol e Miranda, mas quer Lincoln

ExtraAlguns dos alvos do Flamengo para reforçar o time em 2019, o atacante Gabigol e...

Na primeira semana de pagamento, mais de 150 mil famílias recebem o abono natalino

Na primeira semana de pagamento, mais de 150 mil famílias recebem o abono natalino

Pauta PB O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado do...

167 Famílias Carentes são beneficiadas com o Programa Moradia Legal

em Água Branca.(VEJA O VÍDEO)

O psicólogo e enfermeiro Deilton Aires Batista, de 27 anos, suspeito de falsificar atestados médicos e apresentá-lo à Prefeitura de São José de Caiana, no Vale do Piancó, após ser aprovado em um Processo de Seleção do município, foi solto no dia 06 de junho.
 
Ele passou 49 dias preso no 3° Batalhão de Polícia Militar, em Patos, mas teve sua prisão preventiva revogada pelo juiz da 2° Vara de Itaporanga, Antônio Eugênio Leite, após pedido da defesa.
 
Segundo o advogado do acusado, Gustavo Nunes de Aquino, a prisão foi revogada porque a defesa demonstrou que a liberdade de Deilton não traria qualquer prejuízo a instrução do processo, tampouco era uma ameaça à ordem pública.
 
"Pela legislação brasileira, a prisão preventiva é uma exceção, tendo o acusado o direito de responder o processo em liberdade. A liberdade do professor Deilton foi medida de justiça, pois ela não traz qualquer perigo à ordem pública, muito menos a instrução do processo".
 
A prisão do psicólogo teve repercussão em vários meios de comunicação do Estado, mas ele agora responde o processo em liberdade.

Fonte Patos Online