Pesquisa no Blog

Pesquisa no Google

 
bove=""

 

REAL JUREMA CAMPEÃ 2017 DO CAMPEONATO TAVARENSE DE FUTEBOL

 

 

 

PADRE DJACY BRASILEIRO

NA LUTA CONSTANTE EM FAVOR

DA CLASSE MENOS FAVORECIDA 

Rádio Web

KM JUREMA CLIQUE NA IMAGEM ABAIXO E OUÇA A RÁDIO AO VIVO

Art Regina, Art com grafite

  Comunicação Audiovisual

STAR FOTO E VÍDEO

 

By Fábio Arrud@&Silvan@

Praça Coronel José Pereira -04

Centro-Princesa Isabel - PB

CONTATO: 041 83 999463213

         FECEBOOK

Polícia ainda não sabe quem causou acidente que deixou quatro mortos no Sertão da PB

Polícia ainda não sabe quem causou acidente que deixou quatro mortos no Sertão da PB

O carro de passeio ficou destruído com a colisãoFoto: Reprodução/WhatsAppQuatro...

Homem-bomba mata 14 pessoas no Afeganistão

Homem-bomba mata 14 pessoas no Afeganistão

Imagem da internet Um homem-bomba realizou um ataque perto do...

Queda de avião mata deputado estadual do PSDB

Queda de avião mata deputado estadual do PSDB

O deputado estadual Bernardo Ribas Carli (PSDB), 32 anos, morreu após a queda de uma...

Acidente envolvendo Ambulância de Conceição e Carro de Lucilene Gerente da Caixa de Itaporanga mata 4 pessoas

Acidente envolvendo Ambulância de Conceição e Carro de Lucilene Gerente da Caixa de Itaporanga mata 4 pessoas

O site Diamante Online apurou que um grave acidente envolvendo uma ambulância do...

O Grupo Tático Especial (GTE), da Polícia Civil de Coremas (PB), prendeu Sebastião Jerônimo dos Santos, durante um cumprimento de busca e apreensão na residência dele, que era suspeito de manter sua esposa e uma enteada, uma menina de 13 anos, em cárcere privado.
 
A prisão ocorreu na manhã desta quarta-feira (27), na residência do acusado, localizada na Rua Maria Lucinda Bonfim, bairro Cabo Branco. O mandado foi expedido pelo juiz José Emanuel da Silva e Sousa.
 
Durante o cumprimento do mandado, os policiais encontraram um revólver calibre 38 municiado e uma quantia de 46 mil reais em espécie, além de vários cartões do programa Bolsa-Família.
 
A arma e o dinheiro foram levados, juntamente com o acusado para a Delegacia de Polícia Civil de Coremas, onde foram tomadas as medidas cabíveis.
 
O crime de cárcere privado será investigado pela Polícia Civil.
 
Fonte Vale do Piancó Notícias