Pesquisa no Blog

Conheça o autor

Pesquisa no Google

 
bove=""

 

REAL JUREMA CAMPEÃ 2017 DO CAMPEONATO TAVARENSE DE FUTEBOL

 

 

 

PADRE DJACY BRASILEIRO

NA LUTA CONSTANTE EM FAVOR

DA CLASSE MENOS FAVORECIDA 

Rádio Web

KM JUREMA CLIQUE NA IMAGEM ABAIXO E OUÇA A RÁDIO AO VIVO

Art Regina, Art com grafite

  Comunicação Audiovisual

STAR FOTO E VÍDEO

 

By Fábio Arrud@&Silvan@

Praça Coronel José Pereira -04

Centro-Princesa Isabel - PB

CONTATO: 041 83 999463213

         FECEBOOK

TSE abre investigação para apurar crime de Caixa 2 eleitoral de Bolsonaro

TSE abre investigação para apurar crime de Caixa 2 eleitoral de Bolsonaro

Por O GloboO ministro Jorge Mussi, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), abriu...

Assaltantes disparam quatro tiros no carro do filho de José Maranhão

Assaltantes disparam quatro tiros no carro do filho de José Maranhão

Por Click PBO carro de Leopidio Maranhão, filho do senador José Maranhão, foi...

Supremo derruba pagamento de pensão para ex-governadores da Paraíba

Supremo derruba pagamento de pensão para ex-governadores da Paraíba

Jornal da ParaíbaO Supremo Tribunal Federal (STF) proibiu, por unanimidade, o...

Celular pode ter causado incêndio em residência no interior da PB

Celular pode ter causado incêndio em residência no interior da PB

Uma casa pegou fogo nesta sexta-feira (19), na cidade de Sousa, Sertão da Paraíba, e...

EX-PREFEITO DO SERTÃO PARAIBANO É PRESO POR IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA

EX-PREFEITO DO SERTÃO PARAIBANO É PRESO POR IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA

O GTE de Cajazeiras conduziu na tarde desta quinta-feira dia 18, até a cadeia de...

 

Na última quinta-feira (4), o poder judiciário brasileiro negou pela segunda vez a Lula seu direito ao voto: Lula não poderá votar nestas eleições. No mesmo dia, a Justiça concedeu o direito de voto a Eduardo Azeredo, ex-governador de Minas pelo PSDB e também preso sem condenação criminal em julgado.

A Justiça negou a Lula o direito de votar, direito básico de todo cidadão brasileiro. Alega-se que questões burocráticas impediriam o registro do voto do ex-presidente: seriam necessários vinte eleitores, no mínimo, para enviar uma urna eletrônica à sede da Polícia Federal, em Curitiba. Na prática, são retirados de Lula seus direitos políticos antes de sentença transitada em julgado, ferindo a legislação.

A legislação eleitoral determina que só não podem votar aqueles cidadãos que tiverem condenação criminal em julgado – ou seja, que tiverem sido condenados em última instância. Preso político há seis meses, condenado em um processo sem provas, a Lula é negado o direito de votar, de dar entrevistas e até de receber visitas consideradas “inconvenientes” pela polícia e pela Justiça. Foi o que aconteceu na última quinta-feira (04/10), quando Fernando Morais e Mino Carta, amigos de Lula há mais de 30 anos, foram impedidos de visitá-lo.

Por lula.com.br