Pesquisa no Blog

Pesquisa no Google

 
bove=""

 

PADRE DJACY BRASILEIRO

NA LUTA CONSTANTE EM FAVOR

DA CLASSE MENOS FAVORECIDA 

Rádio Web

KM JUREMA CLIQUE NA IMAGEM ABAIXO E OUÇA A RÁDIO AO VIVO

Art Regina, Art com Grafite

Comunicação Audiovisual -Tavares/PB.

 Fone: (83) 9 9869-8213. Hélio Mendes.

STAR FOTO E VÍDEO

 

By Fábio Arrud@&Silvan@

Praça Coronel José Pereira -04

Centro-Princesa Isabel - PB

CONTATO: 041 83 999463213

         FECEBOOK

Bolsonaro avisa a Bebianno que ele está demitido

Bolsonaro avisa a Bebianno que ele está demitido

O presidente Jair Bolsonaro informou a Gustavo Bebianno que decidiu demiti-lo do...

Homem flagrado com 7 pinos de cocaína em São José do Egito

Homem flagrado com 7 pinos de cocaína em São José do Egito

A GT Ordinária realizava rondas e abordagens nos bairros da cidade e ao chegar nas...

Patos registra uma boa chuva na noite de ontem (15)

Patos registra uma boa chuva na noite de ontem (15)

Em Cacimba de Areia choveu das 17h30min às 19 horas e agora há pouco voltou a chover...

Câmera flagra momento em que homem atira em taxista após briga de trânsito, em JP

Câmera flagra momento em que homem atira em taxista após briga de trânsito, em JP

Um vídeo, registrado câmeras de segurança, mostra o momento em que um...

 

Segundo relato de moradores de algumas das áreas atingidas pelo fogo, o incêndio teria começado em uma propriedade do sítio Pereiro, na última terça-feira, 14, e alastrou-se por uma vasta área no correr dos dias, alcançando os sítios Logradouro, Borracha e localidades circunvizinhas, entre as quais Umburaninha, que já fica no município de Diamante.
 
Conforme ainda os relatos, o fogo continua descontrolado, apesar da tentativa dos moradores de apagá-lo, e deve atingir novas áreas nas próximas horas. A temperatura elevada, o vento e a vegetação seca ajudam na proliferação das chamas, que atingem pastagens, matas e cercas. Animais domésticos estão em risco, mas a principal vítima é a fauna silvestre.
 
Conforme uma moradora, em contato com o jornal, o corpo de bombeiro teria sido acionado, mas, segundo ela, argumentou que o local é de difícil acesso e não havia condições da equipe chegar aos principais focos do incêndio. No entanto, apreensivos, os residentes apelam publicamente por alguma ação para ajudá-los na luta contra as chamas, que podem trazer um prejuízo ainda maior para os proprietários rurais, moradores e a própria natureza.
 
Fonte: Folha do Vale