Pesquisa no Blog

Pesquisa no Google

 
bove=""

 

PADRE DJACY BRASILEIRO

NA LUTA CONSTANTE EM FAVOR

DA CLASSE MENOS FAVORECIDA 

Rádio Web

KM JUREMA

Org. Pauliano Tomaz

Art Regina, Art com Grafite

Comunicação Audiovisual -Tavares/PB.

 Fone: (83) 9 9869-8213. Hélio Mendes.

STAR FOTO E VÍDEO

 

By Fábio Arrud@&Silvan@

Praça Coronel José Pereira -04

Centro-Princesa Isabel - PB

CONTATO: 041 83 999463213

         FECEBOOK

PRINCESA ISABEL: Equipe Multiprofissional do NASF realiza atendimentos nas UBS’s

PRINCESA ISABEL: Equipe Multiprofissional do NASF realiza atendimentos nas UBS’s

(Foto: Camila Abrantes - Coordenadora do NASF)Com o objetivo de apoiar, ampliar e...

Secretaria de Saúde de Tavares realizou a Semana Saúde na Escola.

Secretaria de Saúde de Tavares realizou a Semana Saúde na Escola.

A secretaria municipal esteve realizando de 08 a 12 de abril, a semana municipal de...

Prefeitura de Princesa Isabel realiza levantamento de BENS IMÓVEIS DO MUNICÍPIO

Prefeitura de Princesa Isabel realiza levantamento de BENS IMÓVEIS DO MUNICÍPIO

A Secretaria de Finanças, Administração e Planejamento, de Princesa Isabel, no Sertão da...

Homem tenta matar outro com um tiro de revólver, em Piancó

Homem tenta matar outro com um tiro de revólver, em Piancó

Uma tentativa de homicídio foi registrada na tarde deste domingo (21), no Bairro Alto do...

 

Operação Octanagem da PCPE.
Foto: Arthur Mota/Folha de Pernambuco
 
Foi desencadeada, na manhã desta quarta-feira (5), a Operação Octanagem, com o objetivo de prender integrantes de uma organização criminosa, voltada para a prática de sonegação fiscal e associação criminosa. A ação ocorreu em Glória do Goitá, na Zona da Mata Norte de Pernambuco.
 
Durante a operação realizada pela Polícia Civil (PC) foram cumpridos três mandados de prisão contra empresários do ramo de distribuição de combustível e três mandados de busca e apreensão domiciliar. Entre os envolvidos está um empresário de Salvador de 45 anos, preso nesta manhã, em um hotel em Boa Viagem. De acordo com a polícia, ele é acusado de sonegar pelo menos R$ 16 milhões. 
 
Segundo o chefe da Polícia Civil, Joselito do Amaral, a organização atuava também no Estado da Bahia e a sonegação chegou a R$ 300 milhões. “Os desvios aconteceram em quatro meses e as investigações começaram em agosto, quando a Secretaria da Fazenda observou o não recolhimento do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) que deveria ser feito pela distribuidora e acionou a PC”, afirmou.
 
Ainda segundo o delegado, os detalhes desta operação vão ser divulgados durante coletiva de imprensa nesta quinta-feira (6). 
 
Via FolhaPE