Destaque

Paraíba tem mais de 500 vagas de emprego a partir desta segunda (4)

A partir desta segunda-feira (4), o Sistema Nacional de Emprego (Sine-PB) disponibiliza...
Leia mais
Destaque

Laureano atendeu mais de 3,3 mil pessoas com tumores de cabeça e pescoço em 2021 e abre campanha

O Hospital Napoleão Laureano (HNL) iniciou a campanha ‘Julho Verde’,...
Leia mais
Destaque

Acusado de tentativa de assalto a avião pagador em Salgueiro é morto em Cabrobó

Com informações do Jornal da Band Um dos traficantes mais...
Leia mais
Destaque

Posto de combustível é assaltado por homens armados com faca, em Boa Ventura

Um posto de combustíveis localizado na rodovia PB-386, no perímetro...
Leia mais

TAVARES: Prefeito Coco de Odálio receberá visita do governador João Azevedo, no evento administrativo do próximo sábado (28)

O prefeito de Tavares, no Sertão da Paraíba, Genildo José da Silva (Coco de Odálio), irá receber a visita do governador João Azevedo, no evento administrativo do próximo sábado, dia 28 de maio.

João Azevedo irá chegar à cidade de Tavares, na tarde deste sábado para, junto ao prefeito Coco de Odálio e outras lideranças políticas, como: os deputados federais, Hugo Motta e Efraim Filho, estadual, Wilson Filho, bem como secretários e vereadores participarem da programação pertinente ao inicia das festividades juninas no município – ‘Esquenta São João 2022’ – festa tradicional de Tavares, que contará com entrega de obras e vários outros benefícios.

Na oportunidade, o gestor tavarense e o chefe do executivo estadual assinarão ordem de serviço para a construção da uma nova escola do Povoado Jurema, na zona rural, ainda autorizarão o processo licitatório para obras de ginásio poliesportivo no Povoado Belém, e creche no Povoado Silvestre, ambos na zona rural, além da entrega de dois veículos o KM à população – uma ambulância à secretaria de saúde, e um caminhão, destinado ao Programa de Aquisição de Alimentos, o PAA.

Também haverá a inauguração da Unidade Básica de Saúde (UBS) no bairro São Sebastião, às margens da rodovia PB-306.

Grande comoção toma conta do Povoado Jurema, em Tavares, após morte de João Vianês (João Mané)

O juremense, João Vianês Calixto, conhecido por João Mané, de 66 anos, morreu por volta das 23h desta terça-feira (24) após 12 dias internado no Hospital Regional de Patos, no Sertão da Paraíba.

Grande comoção toma conta do Povoado Jurema, após a notícia do falecimento de João Mané, um exemplo de ser humano.

De acordo com familiares, João Mané estava com problema respiratório, além de uma série de outros problemas, como; Pneumonia etc…

O corpo de João Mané será velado e sepultado no Povoado Jurema, na zona rural de Tavares, também no sertão do estado. O horário do sepultamento deverá ser informado por familiares.

Deixo aqui, meus sinceros votos de pesar aos familiares.

Polícia Militar prende indivíduo por porte ilegal de arma de fogo em Princesa Isabel, na PB

Na madrugada desta quarta-feira, 25 de Maio de 2022, equipe da Rádio Patrulha apreende arma de fogo após solicitação via COPOM.

Por volta das 4h da manhã, foi recebida uma ligação via COPOM, informando que um indivíduo estava tentando adentrar numa residência.

A equipe da Rádio Patrulha foi ao local e ao fazer busca pessoal, encontrou um revólver cal.32, uma faca e alguns relógios possivelmente fruto de roubo.

O indivíduo foi conduzido até a delegacia de polícia civil e entregue à autoridade judiciária competente.

Seção de Comunicação e Marketing Institucional da 5ª CIPM

Reservatório de água rompe, destrói quatro casas e deixa vários feridos em Pocinhos

Um reservatório de água estourou na manhã desta quarta-feira (25) no município de Pocinhos, Agreste paraibano, provocando a destruição de pelo menos quatro casas.

O Corpo de Bombeiros de Campina Grande e Samu foram acionados para o local. Pelo menos quatro pessoas com ferimentos foram socorridas para o Hospital de Emergência e Trauma de Campina.

Todas chegaram à unidade hospitalar conscientes e orientadas e passarão por avaliação médica.

A suspeita é de que as chuvas tenham provocado aumento no volume de água armazenado no reservatório e o rompimento do açude.

MaisPB

Pista fica bloqueada após colisão envolvendo duas carretas, em João Pessoa, na PB

Carreta tomba

Uma colisão envolvendo duas carretas deixou a pista bloqueada, na manhã desta quarta-feira (25), em João Pessoa.

O incidente aconteceu após uma carreta carregada de MDF colidir na traseira de outro veículo.

O acidente bloqueou parte da via causando um grande congestionamento.

A Semob foi acionada até o local. Porém, não há informações sobre feridos.

Da redação

Operação Aracati cumpre mandados judiciais contra facção criminosa em cidades da PB, SP e CE

As forças de Segurança Pública da Paraíba (Polícia Civil, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar), as secretarias de Estado da Segurança e da Defesa Social (Seds) e de Administração Penitenciária (Seap), em atuação conjunta com o Ministério Público do Estado da Paraíba, por meio do Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco), desencadearam, na manhã desta quarta-feira (25/05), a “Operação Aracati”. A finalidade é dar cumprimento a mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão expedidos pelo Poder Judiciário da Comarca de São José de Piranhas.

As persecuções penais objetivam responsabilizar os envolvidos pela prática dos crimes de tráfico de drogas, inclusive interestadual; associação para o tráfico de drogas (arts. 33, 35 e 40, V da Lei nº 11.343/06; comércio ilegal de arma de fogo (art. 17 da Lei nº 10.826/03); lavagem de capitais (art. 1º, § 1º, II da Lei nº 9.613/98); associação criminosa (art. 288 do Código Penal) e organização criminosa (art. 2º, caput e §§ 2º e 3º da Lei 12.850/13). Foram oferecidas três denúncias pela Promotoria de Justiça de São José de Piranhas, cujos autos tramitam sob segredo de Justiça junto ao Juízo de Direito da Comarca de São José de Piranhas-PB.

As denúncias são relativas a fatos que envolvem a atuação de integrantes da facção criminosa denominada de ‘Nova Okaida’ na prática dos crimes investigados. Estão sendo cumpridos 62 mandados judiciais, expedidos nas ações penais em curso, sendo 34 de prisão preventiva e 28 de busca e apreensão, em face de 39 pessoas, nas cidades de João Pessoa, Campina Grande, São José de Piranhas, Aguiar, Sousa, Cajazeiras, Carrapateira e Catolé do Rocha, bem como nos estados de São Paulo e Ceará. O trabalho conta com a participação de 23 equipes da Polícia Civil, de 26 equipes da Polícia Militar, de quatro equipes do Gaeco/MPPB e de integrantes do Corpo de Bombeiros Militar e da Seap.

MPPB

Homem é preso suspeito de invadir hospital e tentar matar paciente, em Bananeiras, na Paraíba

Um homem foi preso suspeito de invadir um hospital e tentar matar um paciente, nesta terça-feira (24), em Bananeiras, na Paraíba. Os dois estariam juntos em um bar, no fim de semana, quando teriam se desentendido e brigado. A vítima, inclusive, foi hospitalizada após ser esfaqueada pelo mesmo homem que o seguiu até a chegada na Unidade de Saúde.

De acordo com o delegado Tiago Cavalcanti, o crime aconteceu no domingo (22). O suspeito teria esfaqueado a vítima durante a briga no entorno da Praça Epitácio Pessoa.

Ao chegar no Hospital Municipal Doutor Clóvis Bezerra Cavalcanti, o suspeito teria perguntado pela vítima na recepção e invadido a enfermaria, quando tentou cometer o homicídio e fugiu.

O paciente, alvo do suspeito, correu pelos corredores do hospital e pediu ajuda aos profissionais de Saúde, que o transferiram para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Guarabira.

Como os dados pessoais da vítima não foram divulgados, o g1 não conseguiu obter informações sobre o quadro de saúde da vítima.

A Polícia Civil segue investigando o caso, e deve reverter o processo em denúncia junto ao Ministério Público, após a conclusão das investigações.

Do g1 PB

Anvisa pede uso de máscara para adiar chegada da varíola dos macacos

Diante do aumento no número de casos da varíola de macaco, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) emitiu nota reforçando a necessidade de adoção de medidas “não farmacológicas”, como distanciamento físico, uso de máscaras de proteção e higienização frequente das mãos, em aeroportos e aeronaves, para retardar a entrada do vírus no Brasil.

A varíola de macaco é uma doença pouco conhecida porque a incidência é maior na África. Até o momento, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS) há 131 casos confirmados de varíola dos macacos, registrados fora do continente africano e 106 outros casos suspeitos, desde que o primeiro foi relatado em 7 de maio.

“A Anvisa mantém-se alerta e vigilante quanto ao cenário epidemiológico nacional e internacional, acompanhando os dados disponíveis e a evolução da doença, a fim de que possa ajustar as medidas sanitárias oportunamente, caso seja necessário à proteção da saúde da população”, diz a nota divulgada ontem (23).

Ainda, de acordo com a agência, essas recomendações protegem não só contra a varíola e a covid-19, mas também contra muitas doenças infectocontagiosas.

“Tais medidas não farmacológicas, como o distanciamento físico sempre que possível, o uso de máscaras de proteção e a higienização frequente das mãos, têm o condão de proteger o indivíduo e a coletividade não apenas contra a covid-19, mas também contra outras doenças”, reitera a Anvisa.

Diante do quadro, o Ministério da Saúde criou uma sala de situação para monitorar o cenário da varíola dos macacos no Brasil. A medida, anunciada pela pasta na noite desta segunda-feira (23), tem como objetivo elaborar um plano de ação para o rastreamento de casos suspeitos e na definição do diagnóstico clínico e laboratorial para a doença.

“Até o momento, não há notificação de casos suspeitos da doença no país”, informou o Ministério da Saúde, em nota. A pasta afirma que encaminhou aos estados um comunicado de risco sobre a patologia, com orientações aos profissionais de saúde e informações disponíveis até o momento sobre a doença.

Agência Brasil

João Azevêdo diz que reunirá base para voto conjunto na chapa majoritária; articulação pode afetar acordo de Efraim com o Republicanos

Portal WSCOM

O governador João Azevêdo (PSB) confirmou nesta terça-feira (24) que irá reunir a bancada aliada para definir o voto conjunto e integral na sua chapa majoritária. Isso incluiria o partido Republicanos, que fechou aliança com Efraim Filho para voto ao Senado, e deve ter que reavaliar o cenário.

“Isso é uma obviedade. Sendo a chapa anunciada, o governo e o governador, evidentemente não o governo em si como instituição, mas todas as pessoas que compõem esse governo, obviamente, terão o envolvimento numa campanha a partir da escolha da chapa. Se alguém está na chapa, será pedido que essas pessoas apoiem os candidatos da nossa chapa. Eu não iria pedir voto para aniversário, disse.

A maior possibilidade é que João formalize a aliança com Aguinaldo Ribeiro concorrendo ao Senado, o que poderia resultar em uma nova rodada de negociação com o Republicanos, como partido ou o governador cedendo para as eleições deste ano.

João revelou que, caso os aliados não fechem o apoio total à chapa, há a possibilidade de rompimento, mas irá analisar “caso a caso”.

Mais de dez carros de luxos apreendidos em operação do Ministério Público e avaliados em mais de R$ 3 milhões vão a leilão na Paraíba

O Tribunal de Justiça do Estado da Paraíba, levará a público a venda e arrematação, de mais de 12 carros de luxos apreendidos em operações do Ministério Público da Paraíba. O leilão está avaliado em mais de R$ 3 milhões e acontecerá no dia 14 de junho, a partir das 10hs com encerramento às 11hs. 

De acordo com o edital obtido pelo Portal ClickPB, somente serão aceitos lances iguais ou superiores ao valor da avaliação e, não havendo lance igual ou superior ao valor da avaliação, será feito um 2º Leilão, no dia 28 de junho. 

Os veículos são os mais variados e os valores também. Entre eles estão diversos modelos Toyota Hilux, Corolla, e Jeep Renegade.  O leilão será feito de forma virtual, e os lances poderão ser dados ao vivo no endereço eletrônico aqui. A arrecadação dos valores arrematados no leilão vão para o estado. 

Os interessados em participar do leilão devem efetuar cadastramento prévio, aceitar os termos e condições informados no site e após aprovação, solicitar habilitação, confirmar os lances participar das disputas e em sendo vencedor, recolher a quantia respectiva, para fins de lavratura do termo próprio, ficando cientes de que os arrematantes deverão depositar à disposição do Juízo o valor total da arrematação, no momento da arrematação ou no prazo máximo de 24 horas, a partir do encerramento do leilão.

ClickPB